Uma nova visão para a regionalização do mercado de trabalho árabe

Silvia Regina Ferabolli

Resumo


Nesta breve análise de conjuntura, o anúncio do Saudi Vision 2030 será o ponto de partida para uma reflexão sobre a situação dos trabalhadores migrantes árabes no CCG, a importância das remessas desses trabalhadores para seus países de origem, o impacto que as políticas de nacionalização da força de trabalho do Golfo podem ter sobre a comunidade árabe expatriada na região e a possibilidade de reversão na tendência de substituição de mão de obra árabe por aquela asiática no CCG.


Palavras-chave


Saudi Vision 2030; CCG; migrações intra-árabes

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2178-8839.65599

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

 

Conjuntura Austral - ISSN: 2178-8839

       UFRGS