A utilização de tecnologias digitais nos primeiros passos na arte da pesquisa: uma experiência de modelagem

Autores

  • Morgana Scheller IFC – Câmpus Rio do Sul/PUCRS
  • Maria Salett Biembengut PUCRS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.44369

Palavras-chave:

Modelagem, tecnologias digitais, projeto, iniciação científica.

Resumo

Neste artigo apresenta e reflete sobre a prática de iniciação científica desenvolvida a partir da utilização de modelagem e tecnologias digitais na realização de um projeto de pesquisa básica como meio de vincular matemática e realidade e estimular a arte da pesquisa. Os dados empíricos advieram de estudantes do Ensino Médio de uma Escola Agrícola Pública (IFC), durante um ano letivo. Estes dados, coletados por meio da observação dos fazeres destes estudantes e do material produzido por eles, foram analisados em acordo com a Análise do Conteúdo. Os resultados apontaram que o uso das tecnologias digitais potencializa o trabalho de modelagem matemática e, ambas articuladas com discussões vinculadas a realidade dos envolvidos, promove ao estudante: motivação no aprender a no pesquisar; reflexão e sentido a suas ações e a própria matemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-12-28

Como Citar

SCHELLER, M.; SALETT BIEMBENGUT, M. A utilização de tecnologias digitais nos primeiros passos na arte da pesquisa: uma experiência de modelagem. Revista Novas Tecnologias na Educação, Porto Alegre, v. 11, n. 3, 2013. DOI: 10.22456/1679-1916.44369. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/44369. Acesso em: 12 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos