A Interação de Escolares com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade em Ambientes Digitais/Virtuais de Aprendizagem e de Convivência

Autores

  • Morgana Tissot Boiaski UFRGS
  • Lucila Maria Costi Santarosa UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.14571

Palavras-chave:

Transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (Tdah), Ambientes digitais/virtuais de aprendizagem, Informática na educação

Resumo

No presente trabalho são apresentadas algumas das possíveis contribuições da utilização de ambientes digitais/virtuais de aprendizagem e de convivência (ADA/AVA) no processo de desenvolvimento de escolares que apresentam Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (Tdah), nas áreas social, emocional, escolar e comportamental. Este estudo, de caráter qualitativo, integrou-se aos trabalhos realizados pelo Núcleo de Informática na Educação Especial – Niee, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Ufrgs e foi realizado junto ao Ambulatório de Dificuldade de Aprendizagem do Hospital Infantil Joana de Gusmão, na cidade de Florianópolis. A pesquisa envolveu o acompanhamento de sete escolares com diagnóstico de Tdah, em tratamento, em sessões semanais e/ou quinzenais, individuais ou em pequenos grupos, durante as atividades interativas no ADA/AVA Eduquito.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Morgana Tissot Boiaski, UFRGS

Mestre em Educação. Pesquisadora do Núcleo de Informática na Educação Especial – NIEE/UFRGS. Tutora do Projeto de
Informática na Educação Especial - Proinesp Niee/Cinted/UFRGS.

Lucila Maria Costi Santarosa, UFRGS

Doutora em Educação. Professora/Pesquisadora do Programa de Pós Graduação em Educação-PPGEDU- e de Informática na Educação-PGIE- da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Presidente de Honra da ONG Rede Especial Brasil. Coordenadora do Núcleo de Informática na Educação Especial – NIEE/UFRGS. Pesquisadora 1 A do CNPQ/MEC .

Downloads

Publicado

2008-12-06

Como Citar

BOIASKI, M. T.; SANTAROSA, L. M. C. A Interação de Escolares com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade em Ambientes Digitais/Virtuais de Aprendizagem e de Convivência. RENOTE, Porto Alegre, v. 6, n. 2, 2008. DOI: 10.22456/1679-1916.14571. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/14571. Acesso em: 26 nov. 2022.