Uma ontologia para categorias de mediação segundo uma abordagem epistemológica baseada na interação social

Autores

  • Carlos Emilio Padilha Severo UFRGS
  • Liliana Maria Passerino UFRGS
  • Simone Hack da Silva Koch FEEVALE
  • Marcia Maciel URCAMP
  • João Carlos Glus UNISINOS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.13578

Palavras-chave:

Mediação, aprendizagem, interação social e ontologia.

Resumo

A perspectiva sócio-histórica é uma linha de investigação sobre o
desenvolvimento cognitivo humano que leva em consideração a influência das
interações sociais nos processos de desenvolvimento e aprendizagem. O presente artigo
busca definir um modelo computacional desse processo partindo de categorias de
mediação da aprendizagem através de uma ontologia. Uma ontologia é necessária para
extração de conhecimento através de mecanismos de inferência em ambientes de ensino
a distância, auxiliando o professor mediador em suas ações pedagógicas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-12-21

Como Citar

SEVERO, C. E. P.; PASSERINO, L. M.; KOCH, S. H. da S.; MACIEL, M.; GLUS, J. C. Uma ontologia para categorias de mediação segundo uma abordagem epistemológica baseada na interação social. RENOTE, Porto Alegre, v. 7, n. 3, p. 368–378, 2009. DOI: 10.22456/1679-1916.13578. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/13578. Acesso em: 25 set. 2022.