A pesquisa como qualificação do trabalho docente na educação básica

Autores

  • Rejane Reckziegel Ledur Secretaria Municipal de Educação — SME, Canoas/RS, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.22456/2357-9854.128627

Palavras-chave:

Pesquisa em educação e arte, Professor reflexivo, Educação básica, Saberes em diálogo

Resumo

O artigo reflete sobre a importância da pesquisa na formação do professor da educação básica, tendo como referência a trajetória profissional e acadêmica da autora como pesquisadora e dialoga com as discussões no campo da pesquisa educacional que problematizam o papel do professor pesquisador e do professor reflexivo, evidenciando a possibilidade de coexistência destes papéis na escola.  Relata pesquisas acadêmicas e colaborativas realizadas no âmbito da educação básica oriundas da problematização da prática docente como possibilidade de construção de conhecimento e produção de sentidos sobre a arte e a educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rejane Reckziegel Ledur, Secretaria Municipal de Educação — SME, Canoas/RS, Brasil

Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS - 2013), Mestre em Educação (UFRGS - 2005) e Licenciada em Educação Artística com Habilitação em Artes Plásticas (UFRGS - 1992). Diretora Institucional da Federação de Arte/Educadores do Brasil (FAEB) - Gestão 2022/2023. Integra o Grupo de Pesquisa em Educação e Arte (GEARTE/UFRGS). Professora aposentada da Rede Municipal de Ensino de Canoas (RS). Atuou como professora no Curso de Licenciatura em Artes Visuais da ULBRA/Canoas (2012 a 2018). Possui experiência nas áreas de Educação, Artes e Cultura, principalmente no ensino de Artes Visuais e na formação continuada de professores, desenvolvendo pesquisas nos seguintes temas: ensino de arte, produção de sentido, formação de professores e arte contemporânea.

Referências

ANDRÉ, Marli. Pesquisa, formação e prática docente. In: ANDRÉ, Marli (org.). O papel da pesquisa na formação e na prática dos professores. Campinas, SP: Papirus, 2001. p. 63-80.

BARBOSA, Ana Mae (org.). Ensino da arte: memória e história. São Paulo: Perspectiva, 2008.

BRAIT, Beth. A natureza dialógica da linguagem: formas e graus de representação dessa dimensão constitutiva. In: FARACO, Carlos Alberto; TEZZA, Cristóvão; CASTRO, Gilberto de. (org.). Diálogo com Bakhtin. Curitiba: UFPR, 2001.

GATTI, Bernadete Angelina. A construção da pesquisa em educação no Brasil. Brasília: Plano, 2002.

GATTI, Bernadete Angelina. Implicações e perspectivas da pesquisa educacional no Brasil contemporâneo. Cadernos de Pesquisa, n. 113, p. 65-81, jul. 2001. Disponível em: https://www.scielo.br/j/cp/a/VVXgbRbzwwsLTZvmYSL6M9b/?format=pdf&lang=pt. Acesso em: 9 ago. 2022.

GATTI, Bernardete Angelina et al. Professores do Brasil: novos cenários de formação. Brasília: UNESCO, 2019. Disponível em: https://www.fcc.org.br/fcc/wp-content/uploads/2019/05/Livro_ProfessoresDoBrasil.pdf. Acesso em: 9 ago. 2022.

GREIMAS, Algirdas Julien. Da imperfeição. São Paulo: Hacker, 2002.

LANDOWSKI, Eric. De imperfection, o livro do qual se fala. In: GREIMAS, Algirdas Julien. Da imperfeição. São Paulo: Hacker, 2002. p. 125-150.

LEDUR, Rejane Reckziegel. Arte contemporânea e produção de sentidos no ensino da arte: a experiência estética dos alunos na Bienal do Mercosul sob o olhar da semiótica discursiva. UFRGS, 2013. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013.

LEDUR, Rejane Reckziegel. Professores de Arte e arte contemporânea: contextos de produção de sentido. UFRGS, 2005. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2005.

LEDUR, Rejane Reckziegel; MACHADO, Juliana Aquino; SILVA, Gilberto Ferreira da. Referencial curricular e pesquisa colaborativa: cartografias de um percurso formativo vivido na rede e com a rede. Canoas/RS: Unilasalle, 2021.

NÓVOA, Antônio. Carta a um jovem pesquisador em Educação. Investigar em Educação – IIª Série, n. 3, 2015. Disponível em: https://rosaurasoligo.files.wordpress.com/2015/06/antc3b3nio-nc3b3voa-carta-a-um-jovem-investigador.pdf. Acesso em: 15 set. 2022.

NÓVOA, Antônio. O professor pesquisador e reflexivo. Entrevista concedida em 13 de setembro de 2001. Disponível em: https://ledum.ufc.br/arquivos/didatica/3/Professor_Pesquisador_Reflexivo.pdf. Acesso em: 22 nov. 2022.

SILVA, Gilberto Ferreira da; MACHADO, Juliana Aquino. “Saberes em diálogo”, um programa de formação continuada em rede: Universidade e Educação Básica. Arquivos Analíticos de Políticas Educativas, v. 28, n. 69, 2020. Disponível em: https://doi.org/10.14507/epaa.28.4937. Acesso em: 22 ago. 2021.

SILVA, Gilberto Ferreira da; MACHADO, Juliana Aquino. Saberes em diálogo: a construção de um programa de formação docente em uma rede municipal de ensino. Revista Iberoamericana de Educación / Revista Ibero-americana de Educação. v. 77, n. 2, p. 95-114, 2018. Disponível em: https://rieoei.org/RIE/article/view/3161/3978. Acesso em: 17 mai. 2019.

Downloads

Publicado

2022-11-24

Como Citar

LEDUR, R. R. A pesquisa como qualificação do trabalho docente na educação básica. Revista GEARTE, [S. l.], v. 9, 2022. DOI: 10.22456/2357-9854.128627. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/gearte/article/view/128627. Acesso em: 26 jan. 2023.

Edição

Seção

Dossiê GEARTE: 25 anos