Leitura de produções audiovisuais: um percurso formativo com o GEARTE

Autores

  • Tanise Reginato Secretaria Municipal de Educação — SME, Canoas/RS, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.22456/2357-9854.128546

Palavras-chave:

Formação, Pesquisa, GEARTE, Produções audiovisuais, Leitura de imagem

Resumo

Este artigo apresenta as contribuições do Grupo de Pesquisa em Educação e Arte (GEARTE) junto à trajetória formativa da pesquisadora. Ao resgatar parte do trabalho constituído durante as pesquisas das quais fez parte como bolsista de Iniciação Científica, a autora evidencia uma caminhada que abrangeu experiências de aprendizagem investigando as relações entre educação e arte, leitura de produções audiovisuais, semiótica discursiva, macro e micronarrativas. As relações estabelecidas enfatizam a importância dos grupos pesquisadores nos percursos de formação de professores e o papel da pesquisa como lugar de potência da qualificação profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tanise Reginato, Secretaria Municipal de Educação — SME, Canoas/RS, Brasil

Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e mestranda em Educação pela UFRGS. Atua como professora de educação básica no município de Canoas/RS na etapa da educação infantil e participa do Grupo de Pesquisa GEARTE atuando na equipe de eventos. Possui interesse por temáticas envolvendo infâncias, leitura de imagem, cultura visual, educação e arte.

Referências

ACASO, María. Esto no son las Torres Gemelas: cómo aprehender a leer la televisión y otras imágenes. Madrid: Catarata, 2006.

ACASO, María. La educación artística no son manualidades. Madrid: Catarata, 2009.

BARBOSA, Ana Mae. Tópicos utópicos. Belo Horizonte: C/Arte, 1998.

BARBOSA, Ana Mae. A imagem no ensino da arte. 7. ed. São Paulo: Perspectiva, 2009.

BARROS, Diana Luz Pessoa de. Teoria semiótica do texto. São Paulo: Ática, 1997.

FECHINE, Yvana. Contribuições para uma semiotização da montagem. In: OLIVEIRA, Ana Claudia de; TEIXEIRA, Lucia (org.). Linguagens na comunicação: desenvolvimentos de semiótica sincrética. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2009. p. 323-370.

FLOCH, Jean-Marie. Alguns conceitos fundamentais em semiótica geral. Documentos de Estudo do Centro de Pesquisas Sociossemióticas. São Paulo: CPS, 2001.

HERNÁNDEZ, Fernando. ¿De qué hablamos cuando hablamos de Cultura Visual? Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 30, n. 2, p. 9-34, jul./dez. 2005. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/educacaoerealidade/article/ view/12413. Acesso em: 5 set. 2022.

LANDOWSKI, Eric. Interacciones arriesgadas. Tradução de Desiderio Blanco, revisão de Verônica Stay Stange. 1. ed. Lima, Peru: Universidade de Lima, Fondo Editorial, 2009.

LYOTARD, Jean François. A condição pós-moderna. Rio de Janeiro: José Olympio, 1986.

LIPOVETSKY, Gilles; SERROY, Jean. A tela global: mídias culturais e cinema na era hipermoderna. Porto Alegre: Sulina, 2009.

MACHADO, Arlindo. A arte do vídeo. São Paulo: Brasiliense, 1990.

MACHADO, Arlindo. Arte e mídia. Rio de Janeiro: Zahar, 2007.

NÓVOA, Antonio. Formação de professores e profissão docente. In: NÓVOA, Antonio. (org.). Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1992.

OLIVEIRA, Ana Claudia de. Visualidade, entre significação sensível e inteligível. Revista Educação & Realidade, n. 30, v. 2, p. 107-122, jul./dez. 2005. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/educacaoerealidade /article/view/12418. Acesso em: 10 set. 2022.

PILLAR, Analice Dutra; Sincretismo em desenhos animados da tv: o Laboratório de Dexter. Educação & Realidade: v. 30, n. 2, p. 123-142, 2005. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/educacaoerealidade/article/view/12419. Acesso em 27 set. 2022.

PILLAR, Analice Dutra. Visualidade e sentido: contágios entre arte e mídia no ensino da arte. Porto Alegre: FACED/UFRGS-CNPq, 2012.

PILLAR, Analice Dutra. Arte contemporânea e ensino da arte: leituras de produções audiovisuais. Porto Alegre: FACED/UFRGS-CNPq, 2015.

PILLAR, Analice Dutra. Leituras da visualidade: análise de macro e micronarrativas audiovisuais em contextos educativos. Porto Alegre: FACED/UFRGS-CNPq, 2018.

PILLAR, Analice Dutra; CAMPOS, Juliano de. Narrativas audiovisuais na educação: a videoarte Anima2 e seus sentidos. PÓS: Revista do Programa de Pós-Graduação em Artes da EBA/UFMG. v. 11, n. 21, jan./abr. 2021. Disponível em: https://eba.ufmg.br/revistapos.

PILLAR, Analice Dutra; EVALTE, Tatiana Telch. Educação e mídia. Leituras de desenhos animados na escola. Revista Reflexão e Ação, Santa Cruz do Sul, v. 21, n. 2, p. 89-114, jul./dez. 2013. Disponível em: http://online.unisc.br/seer/index.php/reflex

RAMALHO E OLIVEIRA, Sandra. Imagem também se lê. São Paulo: Edições Rosari, 2005.

SILVA, Anair Araújo de Freitas et al. O pesquisador em educação: um ser do inacabamento frente aos desafios da (re)construção do conhecimento no percurso de investigação. In: CONGRESSO INTERNACIONAL PAULO FREIRE: O LEGADO GLOBAL, 2., 2018, Belo Horizonte. Anais eletrônicos [...]. Campinas: GALOÁ, 2018. Disponível em: https://proceedings.science/freire-globalconference-2018/papers/o-pesquisador-em-educacao--um-ser-do-inacabamento-frente-aos-desafios-da--re-construcao-do-conhecimento-no-percurso-de-i. Acesso em: 17 set. 2022.

Downloads

Publicado

2022-11-18

Como Citar

REGINATO, T. Leitura de produções audiovisuais: um percurso formativo com o GEARTE. Revista GEARTE, [S. l.], v. 9, 2022. DOI: 10.22456/2357-9854.128546. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/gearte/article/view/128546. Acesso em: 3 fev. 2023.

Edição

Seção

Dossiê GEARTE: 25 anos