Ensino Remoto na Área de Artes Visuais no Contexto de uma Universidade Pública

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/2357-9854.110035

Palavras-chave:

Ensino remoto, Educação, Artes Visuais, Pandemia

Resumo

O artigo se apresenta como um registro auto narrativo que aborda o período de trabalho docente compreendido entre março e dezembro de 2020, do qual exercemos a atividade docente na Universidade Federal da Paraíba em ambiente remoto devido ao isolamento decorrente da Covid-19 e sua respectiva condição pandêmica. A experiência de ação utilizada para a análise foi o design pedagógico de experiências de aprendizagem, com ênfase no contexto remoto online e no intuito de reforçar a interação afetiva e motivacional. A justificativa de um artigo dessa natureza se dá pela necessidade da comunidade acadêmica em estabelecer amplos diálogos e possibilidades de aprendizados a partir da leitura de experiências de docentes e discentes, em diferentes instituições, espaços sociais e espectros econômicos, uma vez que, trata-se de um momento ímpar na educação brasileira na qual alunos, professores, técnicos e sociedade estão aprendendo a conviver e se adaptando ao que o senso comum denomina como novo normal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alberto Ricardo Pessoa, Universidade Federal da Paraíba — UFPB, João Pessoa/PB, Brasil

Professor Associado do Departamento de Mídias Digitais da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), docente permanente do Programa de Pós-graduação Associado em Artes Visuais da UFPB/UFPE e Coordenador do Narrativas em Cordel: Uma proposta complementar na formação cidadã de crianças em comunidades periféricas - Projeto de extensão e iniciação científica. Pós-doutor em História pela UFRN (2021) Sociologia pela UFPB (2014). Doutor em Letras pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (2010) e Mestre em Artes Visuais pela UNESP (2006). Sou autor das Histórias em Quadrinhos Medo, Primas, Amargo Despertar e Stones e dos livros A linguagem dos Quadrinhos e O Justiceiro de Garth Ennis e o mundo como graphic novel. Sou pesquisador de Processos Criativos em Artes Visuais, com ênfase nos estudos da Crítica Genética. 

Referências

ALMEIDA, Beatriz Oliveira de; ALVES, Lynn Rosalina Gama. Lives, educação e covid-19: estratégias de interação na pandemia. Educação, [S. l.], v. 10, n. 1, p. 149–163, 2020. DOI: 10.17564/2316-3828.2020v10n1p149-163. Disponível em: https://periodicos.set.edu.br/educacao/article/view/8926. Acesso em: 26 ago. 2020.

ALVES, Renato. O cérebro como foco e disicplina. São Paulo. Editora Gente, 2014.

CUNHA, Leonardo Ferreira Farias da; SILVA, Alcineia de Souza; SILVA, Aurênio Pereira da. O ensino remoto no Brasil em tempos de pandemia: diálogos acerca da qualidade e do direito e acesso à educação. Revista Com Censo: Estudos Educacionais do Distrito Federal, Brasília, v. 7, n. 3, p. 27-37, ago. 2020. Disponível em: http://www.periodicos.se.df.gov.br/index.php/comcenso/article/view/924. Acesso em: 03 set. 2020.

FEITOSA, Murilo Carvalho; MOURA, Patrícia de Souza; RAMOS, Maria do Socorro Ferreira; LAVOR, Otávio Paulino. Ensino Remoto: o que pensam os alunos e professores? Artigo apresentado no V Congresso sobre Tecnologias na Educação (CTRL + E 2020), João Pessoa, Paraíba , 2020.

GARCIA, Gustavo; GOMES, Pedro Henrique; VIANA, Hamanda. 'E daí? Lamento. Quer que eu faça o quê?’, diz Bolsonaro sobre mortes por coronavírus; 'Sou Messias, mas não faço milagre'. Notícia publicada no site G1 em 28/04/2020 no endereço: https://g1.globo.com/politica/noticia/2020/04/28/e-dai-lamento-quer-que-eu-faca-o-que-diz-bolsonaro-sobre-mortes-por-coronavirus-no-brasil.ghtml. Brasília. Acesso em 08 maio 2020

OLIVEIRA, Sidmar da Silva; SILVA, Obdália Santana Ferraz; SILVA, Marcos José de Oliveira da. Educar na incerteza e na urgência: implicações do ensino remoto ao fazer docente e a reinvenção da sala de aula. Interfaces Científicas, Aracaju, v.10, n.1, p. 25-40, Número Temático – 2020.

OLIVEIRA, Teresa; MORGADO, Lina. Impacto da dinâmica emocional na aprendizagem em cursos a distância no ensino superior: o papel da presença emocional e das microlideranças. Revista Portuguesa de Educação, Minho, Portugal, v. 33, n. 2, p. 177-199, 2020. DOI: 10.21814/rpe.14331. Disponível em: https://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/14331. Acesso em: 27 ago. 2020.

RONDINI, Carina Alexandra; PEDRO, Ketilin Mayra; DUARTE, Cláudia dos Santos. Pandemia do COVID–19 e o ensino remoto emergencial: mudanças na práxis docente. Interfaces Científicas, Aracaju, v. 10, n. 1, p. 41- 57, Número Temático – 2020. DOI: 10.17564/2316-3828.2020v10n1p41-57. Disponível em: https://periodicos.set.edu.br/educacao/article/view/9085. Acesso em: 26 set. 2020.

SANTOS, Edméa Oliveira dos; RIBEIRO, Mayra Rodrigues Fernandes; SANTOS, Rosemary dos. A educação on-line como dispositivo de pesquisa-formação na cibercultura. Rev. Diálogo Educ., Curitiba, v. 18, n. 56, p. 36-60, jan./mar. 2018. https://doi.org/10.7213/1981-416x.18.056.ds02.

TUAN, Yi-Fu. Paisagens do Medo. São Paulo, Editora UNESP, 2005.

Downloads

Publicado

2022-10-16

Como Citar

PESSOA, A. R. Ensino Remoto na Área de Artes Visuais no Contexto de uma Universidade Pública. Revista GEARTE, [S. l.], v. 9, 2022. DOI: 10.22456/2357-9854.110035. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/gearte/article/view/110035. Acesso em: 26 jan. 2023.

Edição

Seção

Dossiê: Ensino de Artes Visuais e formação de professores