O prelúdio das campanhas de alfabetização na era Vargas: a Cruzada Nacional de Educação

Alessandro Carvalho Bica, Berenice Corsetti

Resumo


As primeiras décadas da chamada era Vargas podem ser caracterizadas por suas mudanças políticas, culturais, sociais ou pedagógicas. No que tange às transformações ou alterações no campo da escolarização, muitos pesquisadores tem se dedicado a pesquisas acerca dessa temática. Ademais, afirma-se que a preocupação com os rumos educacionais e os altos índices de analfabetismo da população brasileira, inflamou os discursos políticos no limiar da década de 1930. Nesta ótica, o Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova consolidou a visão de um segmento da intelectualidade que, embora com diferentes posições, vislumbrava a possibilidade de interferir na organização da sociedade brasileira do ponto de vista da educação. Neste sentido, pelo decreto n. 21.731, de 15 de agosto de 1932, a Cruzada Nacional de Educação foi declarada de utilidade pública. Considerava-se que a alfabetização se constituía no elemento básico para a solução de todos os problemas políticos e sociais do Brasil. Em seus principais artigos, o decreto instituía anualmente a Semana da Alfabetização no Brasil, durante o mês de outubro. Esta campanha mobilizou vários setores da sociedade na possibilidade de abrir mais de 10.000 escolas primárias em todo o Brasil. No documento que segue, pode-se observar um discurso permeado de intenções cívicas e patrióticas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
';



 

 

====================================================================


REVISTA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO / HISTORY EDUCATION JOURNAL

QUALIS/CAPES 2016: Educação - A1 / Ensino - A1 / História - A2 / Interdisciplinar - A2 / Direito - A2 / Linguística e Literatura - B1 / Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo - B1

ISSN online: 2236-3459

E-mail: rhe.asphe@gmail.com

 

REDES SOCIAIS / SOCIAL NETWORKS

 

                   




INDEXADORES / INDEXERS

 

                  

 

 

 

              

 

 

                    

 

 

 

 

                  

 

 

                       

 

 

                    

 

 

                              

 

 

                    

 

 

                     

 

 

 

PATROCINADORES E APOIADORES / SPONSORS AND SUPPORTERS

 

                            

 

 

              

 

 

 

AGÊNCIAS DE FOMENTO / DEVELOPMENT AGENCIES