Decifrando o “mistério dos gêmeos”: Vinte anos de pesquisa em Cândido Godói, Rio Grande do Sul

Ursula da Silveira Matte, Augusto Cesar Cardoso-dos-Santos, Graziella Rodrigues, Marcelo Zagonel de Oliveira, Alice Tagliani-Ribeiro, Selia Heck, Vanusa Dresch, Merci Schossler, Lavínia Schuler-Faccini

Abstract


Cândido Godói (CG) é um pequeno município brasileiro localizado no noroeste do Rio Grande do Sul e é conhecido como “Cidade dos Gêmeos” devido à alta taxa de nascimentos gemelares na região. Diante de um fato tão notável, muitas explicações foram sugeridas. Entre estas teorias, a que mais recebeu atenção da mídia, mesmo sem base científica, foi a de que a gemelaridade seria fruto de experimentos de um médico nazista alemão foragido após a Segunda Guerra Mundial. A convite da própria comunidade de CG, nosso grupo de pesquisa trabalha para resolver este mistério desde 1994, analisando diferentes fatores possivelmente relacionados, em especial suas características genéticas. Aqui, nós sumarizamos os principais resultados obtidos em mais de duas décadas de pesquisa, com foco nas particularidades do processo de comunicação dos resultados, aspectos éticos e como os achados científicos naquela comunidade contribuem não apenas com a resolução de um mistério histórico e local, mas também com o estudo de outras questões, como a reprodução humana e as bases biológicas da gemelaridade.

Palavras-chave: INaGeMP; gêmeos; efeito fundador; isolamento reprodutivo; fertilidade; genética médica populacional


Keywords


INaGeMP; gêmeos; efeito fundador; isolamento reprodutivo; fertilidade; genética médica populacional



Copyright (c) 2019 Clinical & Biomedical Research

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

ISSN: 2357-9730 

http://seer.ufrgs.br/hcpa/

   

  

 

Apoio Financeiro:


 

Licença Creative Commons
The Clinical & Biomedical Research is licenced under Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.