Análise urbanística e diagnóstico de assentamentos precários: um roteiro metodológico

Maria Lucia Cavendish Cavalcanti Lima, Nadia Somekh

Resumo


A finalidade deste trabalho é destacar o papel instrumental da Análise Urbanística no diagnóstico urbanístico-ambiental de assentamentos precários, um arcabouço metodológico capaz de figurar, medir e avaliar as assimetrias que distinguem esses assentamentos da cidade formal. A metodologia na fase analítica adota uma estrutura temática que fixa os fatores de cuja variação depende um maior ou menor grau de qualidade de vida urbana nesses assentamentos e que, numa escala ascendente ou descendente, representam a erosão dos padrões e relações espaciais. O processo de síntese amarra as categorias de análise ordenando-as de forma espacializada e hierárquica em categorias de problemas. O método estabelece marcos de referência para avaliar o nível da transformação a ser produzida com as intervenções de urbanização, oferecendo uma referência para a tomada de posição entre extremos, que podem oscilar da consolidação do tecido existente até sua substituição – importantes dados de entrada tanto para o projeto como para o monitoramento das intervenções públicas.


Palavras-chave


análise urbanística; diagnóstico; urbanização de assentamentos precários; favelas

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: