Cotidiano e Experiência na Fotografia Contemporânea

Victa de Carvalho

Resumo


No contexto atual das instalações fotográficas, é marcante o investimento de alguns artistas na renovação de linguagens e estéticas que apostam no cotidiano como estratégia de experiência. Em meio a uma superprodução de imagens do dia-a-dia das grandes cidades, de numerosas cenas corriqueiras e banais recentemente apresentadas em instituições de artes, as condições para uma experiência estética parecem, a princípio, tão precárias quanto a chance de "uma experiência" na vida ordinária. O objetivo desse artigo é analisar as relações entre cotidiano e experiência a partir dos trabalhos de Jeff Wall e Philip- Lorca diCorsia tendo em vista os desafios da fotografia na arte contemporânea.

Palavras-chave


Fotografia; Experiência; Cotidiano

Texto completo:

PDF




Em Questão | ISSN 1808-5245 | EQ no Facebook | EQ no Google Scholar

Classificação Qualis: A2 - Comunicação e Informação; B2 - Ciências Ambientais; B3 - Administração, Ciências Contábeis e Turismo; B4 - Sociologia; B5 - Engenharias I.

Programa de Pós-graduação em Comunicação  | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705, sala 519 | CEP 90035-007 | Porto Alegre, RS, Brasil | Fone: (51) 3308 2141| E-mail: emquestao @ufrgs.br 

Membro da Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA)