Um relato sobre os desafios das atividades remotas em um curso de graduação presencial diante das medidas de prevenção contra o SARS-CoV-2

Clemilson Costa dos Santos, Emanuel Ferreira Coutinho, Gabriel Antoine Louis Paillard, Leonardo Oliveira Moreira

Resumo


O SARS-CoV-2 pertence a uma família de vírus que causam infecções respiratórias e tem se disseminado pelo mundo rapidamente. Uma das principais medidas preventivas contra a contaminação deste vírus é o isolamento social. Assim, as pessoas tem evitado sair de suas residências e algumas pessoas realizam suas atividades profissionais por meio do teletrabalho. No ensino superior, algumas universidades têm adotado atividades remotas em atividades letivas para minimizar o impacto no calendário acadêmico. No entanto, alguns cursos têm enfrentado desafios para garantir a qualidade do ensino e o princípio da isonomia. Este artigo relata alguns desafios enfrentados nas atividades remotas em um curso de graduação presencial na área de tecnologia devido à pandemia do SARS-CoV-2.


Palavras-chave


SARS-CoV-2; curso de graduação presencial; atividades remotas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1679-1916.106039

Direitos autorais 2020 RENOTE



RENOTE - Revista Novas Tecnologias na Educação      ISSN 1679-1916

A RENOTE, possui a nota Qualis B1 (Ensino) e B1 (Interdisciplinar) no Sistema de Avaliação da CAPES.

Centro Interdisciplinar de Novas Tecnologias na Educação (CINTED) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Avenida Paulo Gama, 110 - Anexo III – 3o andar
Porto Alegre, RS, Brasil – CEP: 90040-060

Telefone: (51) 3308-4100
E-mail: renote@cinted.ufrgs.br