Justiça como Igualdade? A Percepção da Elite e do Povo Brasileiro

Autores

  • Comissão Editorial Sociologias Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Celi Scalon

Palavras-chave:

desigualdades, justiça, igualdade, percepções sociais, elites

Resumo

Os estudos sobre as desigualdades sociais no Brasil concentram-se, em geral, nas dimensões objetivas do fenômeno, como sexo, cor, renda, ocupação e escolaridade. A amplitude do fosso entre ricos e pobres, graças às pesquisas já realizadas, é razoavelmente conhecida, mas pouco se sabe sobre a maneira como os brasileiros vêem essa disparidade. Em 2000, como parte do International Social Survey Programme tentou-se preencher essa lacuna com um survey aplicado a representantes das elites nacionais, entendendo-se por "elites" indivíduos pertencentes ao grupo dos 10% mais ricos do país. A pesquisa, de abrangência nacional – 2 mil entrevistas em 195 municípios –, buscou revelar diferenças entre as percepções da "elite" e do "povo" acerca da desigualdade. As questões levantadas pelo survey diziam respeito à imagem que os dois grupos têm da sociedade brasileira e da forma como ela está estruturada; as remunerações que seriam adequadas para trabalhadores de diferentes níveis de qualificação; os valores que deveriam prevalecer na distribuição da riqueza do país; os maiores problemas do Brasil; e as estratégias preferenciais de cada grupo para a redução da pobreza, com destaque para o papel do Estado. As respostas revelaram convergências e divergências surpreendentes entre povo e elite. Os dois grupos percebem a extensão das desigualdades sociais no país, mas tendem a defender estratégias distintas para reduzi-las, transferindo a solução das desigualdades ao Estado. Essas aproximações e diferenças de pontos de vista podem oferecer elementos importantes para se compreender os mecanismos de legitimação das desigualdades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Celi Scalon

Professora Titular da UFRJ - Pesquisadora CNPq. Brasil.

Downloads

Como Citar

SOCIOLOGIAS, C. E.; SCALON, C. Justiça como Igualdade? A Percepção da Elite e do Povo Brasileiro. Sociologias, [S. l.], v. 9, n. 18, 2008. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/sociologias/article/view/5651. Acesso em: 9 dez. 2022.