UM ESTUDO SOBRE O DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS EM AMBIENTE SIMULADO

Autores

  • Claudelino Martins Dias Junior UFSC
  • Bruno César Melo Moreira IFMG
  • Eduardo Zarur Stosick UFSC

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.41688

Palavras-chave:

simulação, competência, aprendizagem.

Resumo

O presente trabalho descreve a percepção de alunos de graduação em administração no desenvolvimento de competências em ambiente simulado. Para tanto, construiu-se um estudo de caso, resultante das conclusões obtidas com a aplicação de questionário formado por questões abertas, às quais foram objeto de análise semântica, e questões fechadas, tratadas de forma a descrever os benefícios resultantes da participação em atividade de simulação. Os resultados preliminares apontam que os principais elementos formadores da competência gerencial centram-se na capacidade de integração e atualização de conhecimentos e no desenvolvimento de habilidades de liderança e de capacidade de organização, da mesma forma, comportamentos proativos e determinados constituem condições desejáveis sob a visão dos respondentes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-07-30

Como Citar

JUNIOR, C. M. D.; MOREIRA, B. C. M.; STOSICK, E. Z. UM ESTUDO SOBRE O DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS EM AMBIENTE SIMULADO. RENOTE, Porto Alegre, v. 11, n. 1, 2013. DOI: 10.22456/1679-1916.41688. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/41688. Acesso em: 4 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos