DISPOSITIVOS ABERTOS E INOVAÇÃO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: COGNIÇÃO E FLEXIBILIDADE

Autores

  • Susane Garrido UNISINOS
  • Miryan Celaro UNISINOS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.14332

Palavras-chave:

Cognição, Tecnologia, Comunicação

Resumo

Novas formas de pensar, de comunicar e de aprender desafiam as universidades na implementação de dispositivos flexíveis e alternativos, compatíveis com a multiplicidade e simultaneidade de operações, funções e situações que envolvem o adulto universitário- trabalhador. Esse brief paper pretende apontar para um novo domínio de competências cognitivas e comunicativas
necessárias para este usuário-aprendiz, a partir de uma experiência prática de curso a distância em ensino superior com suporte em tecnologia digital.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Susane Garrido, UNISINOS

Mestre em Educação (PUCRS) e Doutoranda em Informática na Educação (UFRGS). É professora na UNISINOS e Assistente para as áreas de Educação e Tecnologias na Educação.

Miryan Celaro, UNISINOS

Doutoranda em Engenharia de Produção/Midias e Conhecimento na UFSC.
É Professora na UNISINOS e Assistente para as áreas de Comunicação e Tecnologias na Educação.

Downloads

Publicado

2003-09-29

Como Citar

GARRIDO, S.; CELARO, M. DISPOSITIVOS ABERTOS E INOVAÇÃO NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: COGNIÇÃO E FLEXIBILIDADE. RENOTE, Porto Alegre, v. 1, n. 2, 2003. DOI: 10.22456/1679-1916.14332. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/14332. Acesso em: 28 nov. 2022.