Análise da aplicação de uma escala de dependência do uso do telefone celular na pós-graduação durante a pandemia da Covid-19

Autores

  • Ricardo Barbosa Bitencourt IFSertãoPE – Campus Petrolina / UNEB-PPGEcoH
  • Ralliny Soares Rocha dos Santos UNEB-PPGEcoH
  • Dinani Gomes Amorim FACAPE / UNEB-PPGEcoH
  • Ricardo José Rocha Amorim FACAPE / UNEB-PPGEcoH

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.121357

Palavras-chave:

Cultura digital, Saúde Mental, Nomofobia

Resumo

O controle da Covid-19 exigiu estratégias não farmacológicas importantes, a exemplo do uso de máscaras, isolamento e distanciamento social. A suspensão de diversas atividades presenciais, especialmente as escolares, obrigou a implantação do ensino remoto. Este, de fato, se constitui em um novo formato de relacionamento entre professores e alunos e que tem o smartphone como um importante aliado. Contudo, o uso mais acentuado desse dispositivo, sem qualquer planejamento anterior, vem contribuindo para uma exposição dos usuários a adoecimentos da era digital. Para ilustrar essa questão, avaliou-se a possível condição dessa relação por intermédio da aplicação de uma Escala de Dependência do Telefone Celular junto à uma comunidade acadêmica de pós-graduação no interior baiano (discentes, docentes e técnicos administrativos). Os resultados mostram que, apesar de não haver prevalência de gravidade, os participantes já apresentam algum tipo de dependência do uso do celular.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-12-28

Como Citar

BARBOSA BITENCOURT, R.; SOARES ROCHA DOS SANTOS, R.; GOMES AMORIM, D.; JOSÉ ROCHA AMORIM, R. Análise da aplicação de uma escala de dependência do uso do telefone celular na pós-graduação durante a pandemia da Covid-19. RENOTE, Porto Alegre, v. 19, n. 2, p. 345–353, 2021. DOI: 10.22456/1679-1916.121357. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/121357. Acesso em: 1 dez. 2022.

Edição

Seção

Tecnologias móveis e mobile learning na formação