Símdrome do trato iliotibial proximal – relato de caso diagnosticado pela ultrassonografia

SÍNDROME DO TRATO ILIOTIBIAL PROXIMAL

Autores

  • Pedro Henrique de Oliveira Alvarenga Universidade São Judas
  • Élcio Roberto Duarte Irmandade da Santa Casa de São Paulo
  • Marcio Luís Duarte

Palavras-chave:

Síndrome da Banda Iliotibial, Diagnóstico, Ultrassonografia

Resumo

O trato iliotibial corresponde a uma bainha fibrosa longitudinal localizada ao longo da região lateral da coxa e serve como uma importante estrutura envolvida no movimento dos membros inferiores. A Síndrome do trato iliotibial proximal é pouco relatada na literatura médica, mas é uma condição que ocorre mais frequentemente em corredoras, obesas e idosas, podendo levar a limitação da movimentação da paciente. Estudos biomecânicos apontam que uma maior relação entre largura da pelve e o comprimento do fêmur, que ocorre em mulheres, provoca uma maior adução do quadril, gerando uma sobrecarga na musculatura lateral a fim de manter o equilíbrio da pelve. Relatamos o caso de uma mulher de 46 anos com dor no quadril direito há 2 anos, com piora ao andar e ao subir escadas cuja ultrassonografia demonstra a lesão da inserção proximal do trato iliotibial, diagnosticando a síndrome do trato iliotibial proximal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2023-11-29

Como Citar

1.
Alvarenga PH de O, Duarte Élcio R, Duarte ML. Símdrome do trato iliotibial proximal – relato de caso diagnosticado pela ultrassonografia: SÍNDROME DO TRATO ILIOTIBIAL PROXIMAL. Clin Biomed Res [Internet]. 29º de novembro de 2023 [citado 24º de fevereiro de 2024];43(3). Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/128391

Edição

Seção

Relatos de Casos

Categorias