Arte na educação da infância: saberes e práticas da dimensão estética

Autores

  • Gilvânia Maurício Dias de Pontes Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN - Natal/RN

DOI:

https://doi.org/10.22456/2357-9854.41223

Palavras-chave:

experiência estética, arte/educação, formação de professores, educação da infância

Resumo

O presente artigo aborda uma pesquisa que investigou a relação entre experiências estéticas e prática docente com linguagens artísticas, narradas em memoriais produzidos por professores da educação da infância. A abordagem do tema experiência estética solicitou o estabelecimento de interfaces entre aportes teóricos que envolviam diferentes campos de conhecimento, tais como filosofia, semiótica, arte/educação e pedagogia. A pesquisa teve natureza qualitativa, em que a metodologia assumiu, como princípios e estratégias de análise, a semiótica discursiva e alguns pressupostos da pesquisa (auto)biográfica, referentes à produção de narrativas como experiência de formação. O corpus da pesquisa foi composto por cinco memoriais de formação. Na análise dos textos, buscou-se identificar como as experiências estéticas dos professores estavam presentes nos discursos que teciam sobre a sua prática. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gilvânia Maurício Dias de Pontes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN - Natal/RN

Doutora em Educação pela UFRGS. Mestre em Educação pela UFRN. Professora do Núcleo de Educação da Infância, Colégio de Aplicação da UFRN. Atua na Educação Infantil e Formação de Professores.

Downloads

Publicado

2014-08-28

Como Citar

PONTES, G. M. D. de. Arte na educação da infância: saberes e práticas da dimensão estética. Revista GEARTE, [S. l.], v. 1, n. 2, 2014. DOI: 10.22456/2357-9854.41223. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/gearte/article/view/41223. Acesso em: 25 jun. 2022.