Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir para o rodapé

Artigos

v. 4 n. 2 (2017): Destaques do VI Seminário Discente do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

ATIVISMO E MÚLTIPLOS ENGAJAMENTOS: a percepção de ativistas do movimento negro sobre a múltipla militância

  • Sara Talice Santos Bastos
Enviado
December 18, 2017
Publicado
2017-12-18

Resumo

A análise aqui apresentada versa sobre as percepções dos ativistas de movimento social sobre as suas trajetórias de múltiplos engajamentos. A pesquisa contou com sete entrevistas de militantes de uma organização de movimento negro do Rio Grande do Sul que possuíam ou possuíram, em alguns momentos da sua trajetória, múltiplas inserções militantes. Foram analisados três aspectos centrais do múltiplo engajamento: as percepções dos ativistas sobre a militância múltipla, os conflitos – internos e externos – inerentes a esse tipo de atuação e as suas percepções de autonomia do movimento social. Constatou-se que os ativistas possuem diferentes percepções sobre esses três aspectos, entretanto, a dimensão de autonomia, dentre essas três, é a causadora de maior dissenso, sendo central na compreensão das trajetórias dos ativistas, nos processos de filiação e desfiliação nos múltiplos espaços de atuação política.

Downloads

Não há dados estatísticos.