Ir para o menu de navegação principal Ir para o conteúdo principal Ir para o rodapé

Artigos

v. 8 n. 3 (2021): Das Margens ao Centro: a Sociologia pela perspectiva de mulheres

LÉLIA GONZALEZ E O FEMINISMO DECOLONIAL COMO LENTE DE ANÁLISE

  • Thamires Costa Rodrigues Lima
Enviado
August 30, 2021
Publicado
2022-04-06

Resumo

O presente trabalho tem como propósito a análise da obra de Lélia Gonzalez, pensadora negra brasileira, que formulou uma nova reflexão a partir das imbricações de gênero, classe e raça e sua interligação com a estrutura colonial. Fundamentado, então, na produção de Lélia Gonzalez, e entendendo que a mesma faz parte do pensamento decolonial, debateremos como a partir dessa nova lente de análise a autora entende o Brasil, e a importância da produção de um exame da realidade produzida no sul global, ressaltando a experiência de um conhecimento formulado a partir da experiência de um país colonizado. Firmado então nesta epistemologia, este trabalho busca debater a questão do feminismo na obra de González, em particular sua ligação com o racismo e as relações de classe, a exposição que a autora propõe de um feminismo afro-latino-americano também será averiguado; assim como em contrapartida, as limitações da visão de gênero presente na teoria feminista europeia, e portanto, branca e hegemônica. Tendo em mente que a produção de Lélia Gonzalez é múltipla, argumentamos que a pensadora e seu debate a partir do gênero é imprescindível para entender o Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.