Análise experimental de pilares de concreto com armadura de bambu sob flexocompressão

Autores

  • Aaron Kadima Lukanu Lwa Nzambi Universidade Federal do Pará
  • Dênio Ramam Carvalho de Oliveira
  • Euclydes Luiz Pires Coêlho

Palavras-chave:

aço, concreto, bambu, bambusa vulgaris, impactos ambientais

Resumo

Esta pesquisa avaliou o comportamento de flexocompressão na rigidez da conexão viga-pilar com o uso de armadura de bambu da espécie Bambusa vulgaris como alternativa de substituição à armadura convencional de aço, na expectativa de utilizar um material com viés ecológico. Foram confeccionados 4 pilares de concreto armado de comprimento 1.600 mm e de seções transversais de 140x140 mm² e de 140x310 mm² no trecho interno e nas extremidades do pilar respectivamente, simulando a conexão viga-pilar. Os pilares tinham como única variável a taxa de armadura longitudinal, de 1,03% para o pilar convencional, de 2,14%, 3,21% e 4,29% para os pilares com o bambu. Os resultados quanto à capacidade resistente mostraram que o pilar com a taxa de bambu de 4,29%, ou seja, com a área de armadura quatro vezes a área do aço, apresentou comportamento similar ao pilar com armadura convencional e teve o menor índice de ductilidade, reduzindo consideravelmente a propagação das fissuras. As estimativas teóricas apresentaram variabilidade de apenas 9%. Assim, o bambu, com taxa e aderência adequadas, revelou-se uma alternativa tecnicamente viável e sustentável ao aço na fabricação de elementos estruturais de concreto armado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

16.11.2023

Como Citar

NZAMBI, A. K. L. L.; OLIVEIRA, D. R. C. de; COÊLHO, E. L. P. Análise experimental de pilares de concreto com armadura de bambu sob flexocompressão. Ambiente Construído, [S. l.], v. 24, 2023. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/ambienteconstruido/article/view/126982. Acesso em: 14 abr. 2024.