Dificuldades e sentimentos de alunos e alunas em relação ao ensino remoto emergencial

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/2595-4377.121751

Palavras-chave:

Ensino Remoto Emergencial, Pandemia de COVID-19, Escola Pública

Resumo

A pandemia de COVID-19 impactou diversos setores da experiência humana. Entre eles, a Educação merece uma atenção especial. Este artigo insere-se no conjunto de iniciativas que buscam compreender a realidade imposta pela crise sanitária. Assim, o seu objetivo é apresentar os resultados de uma pesquisa sobre as dificuldades e os sentimentos de alunos diante do Ensino Remoto Emergencial (ERE). Para isso, analisamos as respostas a esse respeito fornecidas por alunos de oitavos e nonos anos de uma escola pública do município de Londrina/PR. A participação foi voluntária e ocorreu por meio de formulário on-line. Os resultados obtidos vão ao encontro de outras pesquisas nacionais e internacionais. Foi possível concluir que os alunos enfrentaram desde obstáculos, com o acesso e a utilização das ferramentas on-line disponíveis, até a dificuldade em concentrar-se nas aulas remotas. Além disso, prevaleceram os sentimentos negativos em relação à experiência de ERE. Medo, tristeza e desmotivação para aprender foram sentimentos bastante presentes nas respostas dos alunos. Podemos afirmar, portanto, que foram grandes os prejuízos cognitivos e emocionais entre os alunos pesquisados.   

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Caius Costa Amaral de Souza, Universidade Estadual de Londrina

Granduando em História pela Universidade Estadual de Londrina, participante do Programa de Residência Pedagógica/CAPES

Carlos Eduardo da Silveira Mazia, Universidade Estadual de Londrina

Granduando em História pela Universidade Estadual de Londrina, participante do Programa de Residência Pedagógica/CAPES

Fabio Luiz da Silva, Colégio de Aplicação Pedagógica da Universidade Estadual de Londrina

Doutor em História, professor do Colégio de Aplicação Pedagógica da Universidade Estadual de Londrina. Atualmente realizando estágio pós-doutoral em Educação.

Downloads

Publicado

2022-10-30

Como Citar

COSTA AMARAL DE SOUZA, C.; DA SILVEIRA MAZIA, C. E.; DA SILVA, F. L. Dificuldades e sentimentos de alunos e alunas em relação ao ensino remoto emergencial . Cadernos do Aplicação, Porto Alegre, v. 35, 2022. DOI: 10.22456/2595-4377.121751. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/CadernosdoAplicacao/article/view/121751. Acesso em: 4 fev. 2023.