EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA NA PANDEMIA DE COVID-19: PROJETO RADIOLOGIA NA COMUNIDADE, O USO DA REDE SOCIAL E AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM

Juliana Almeida Coelho de Melo, Charlene da Silva, Marina Luna de Souza Alves, Isabelle de Souza Machado, Milena Laurindo, Ana Paula Chaise Fin

Resumo


A extensão universitária viabiliza um retorno do ensino acadêmico para a comunidade externa. O projeto Radiologia na Comunidade promove esse contato e permite a conscientização por meio da educação em saúde quanto ao câncer de mama e à osteoporose. Este ensaio tem como objetivo evidenciar as potencialidades e limites da Extensão Universitária durante a pandemia de Covid-19 por meio da experiência do Projeto Radiologia na Comunidade. Trata-se de um relato de experiência sobre o desenvolvimento da ação de extensão, se constitui como uma pesquisa-ação de natureza educativa. O projeto foi desenvolvido na disciplina Extensão II, entre os meses de março e setembro de 2020, pelos discentes da quinta fase do Curso Superior de Tecnologia em Radiologia. A organização da atividade foi dividida em três momentos: produção de um curso livre na modalidade de Ensino a Distância em um ambiente virtual de aprendizagem; um livro digital; e também a criação de uma conta na rede social (Instagram). Todas as ações tiveram como objetivo promover a educação em saúde. Os discentes foram organizados em grupos com atribuições específicas. Entre as potencialidades do projeto, citam- se a ampliação do público alcançado, a flexibilidade na execução da proposta e as novas experiências vivenciadas pelos estudantes com o uso de tecnologias. Em relação aos limites, mencionam-se o ambiente virtual de aprendizagem pela dificuldade de acesso e o uso da tecnologia, bem como a falta de motivação com o uso dessa ferramenta e a privação da integração social. Por meio do pensamento criativo e da realidade imposta, o projeto reinventou-se e executou um novo modo de fazer extensão universitária, reafirmando que a comunidade não é apenas aquela que está próxima de nós fisicamente, a nossa comunidade é o mundo.

Palavras-chave: Relações Comunidade-Instituição. Educação em Saúde. Assistência Integral à Saúde. Isolamento Social.


Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE, P. P. Ensino na saúde em tempos de covid-19: uma relação necessária. Saberes Plurais, Porto Alegre, v. 4, n. 11, p. 12-21, ago. 2020.

AZEVÊDO, A. V. S.; SILVA, M. A.; REIS, T. C. M. Promoção da saúde no contexto das redes sociais significativas. Nova Perspectiva Sistêmica, São Paulo, v. 28, n. 63, p. 55-66, 2019. DOI: https://doi.org/10.38034/nps.v28i63.482

BRASIL. Ministério da Educação. Conselho Nacional de Educação. Câmara de Educação Superior. Resolução CNE/CES nº 7, de 18 de dezembro de 2018. Estabelece as Diretrizes para a Extensão na Educação Superior Brasileira e regimenta o disposto na Meta 12.7 da Lei nº 13.005/2014, que aprova o Plano Nacional de Educação PNE 2014-2024 dá outras providências. Brasília, DF, 19 dez. 2018.

DINIZ, E. G. M. et al. A extensão universitária frente ao isolamento social imposto pela COVID-19. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 6, n. 2, p. 72999-73010, set. 2020. DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n9-669

COELHO, J. A.; MEDEIROS, C.; CELLA, J. Projeto radiologia e comunidade. In: 29° SEMINÁRIO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DA REGIÃO SUL, 29., 2011, Foz do Iguaçu. Anais [...]. Foz do Iguaçu: Unioeste, 2011. Disponível em: http://docplayer.com.br/39960475-29o-seminario-de-extensao-universitaria-da-regiao-sul-projeto-radiologia-e-comunidade.html. Acesso em: 16 dez. 2020.

COSMAN, F. et al. Clinician’s guide to prevention and treatment of osteoporosis. Osteoporos Int., New York, v. 25, p. 2359-2381, 2014. DOI: 10.1007/s00198-014-2794-2

FARIAS, L. T. M.; LAGO, C. C. L.; ANDRADE, J. C. S. Osteoporose, uma análise fisiopatológica voltada para os profissionais da enfermagem. Enfermagem Contemporânea, Salvador, v. 2, n. 4, p. 222-236, jul. 2015. DOI: http://dx.doi.org/10.17267/2317-3378rec.v4i2.646

GUSSO, H. L. et al. Ensino superior em tempos de pandemia: diretrizes à gestão universitária. Educação & Sociedade, Campinas, v. 41, p. 1-26, 2020. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/es.238957

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA. Conselho Superior. Resolução CONSUP nº 61, de 12 de dezembro de 2016. Regulamenta as Atividades de Extensão no IFSC. Boletim de Serviço IFSC, Florianópolis, 12 dez. 2016. Disponível em: http://cs.ifsc.edu.br/portal/files/consup_resolucao61_2016_extensao.pdf. Acesso em: 05 out. 2020.

JESUS, K. S. et al. Projeto extensionista sobre câncer de mama e osteoporose para idosos: relato de experiência. Cidadania em Ação, Florianópolis, v. 2, n. 3, p. 111-131, dez. 2019.

MEDEIROS, C. et al. Projeto de extensão – Radiologia e comunidade: avaliação das atividades de promoção de saúde na comunidade. Extensio: Revista Eletrônica de Extensão, Florianópolis, v. 11, n. 18, p. 77-93, nov. 2014. DOI: http://dx.doi.org/10.5007/1807-0221.2014v11n18p77

MEDEIROS, S. R. G.; LEWGOY, A. M. B.; TOASSI, R. F. C. Atividade de ensino integradora dos cursos da saúde na Universidade Federal do Rio Grande do Sul: significando a experiência. Saberes Plurais: Educação na Saúde, Porto Alegre, v. 2, n. 3, p. 137-150, set. 2018.

MELO, J. A. C.; MEDEIROS, C. Radiologia e comunidade: extensão em um curso superior de tecnologia. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL SOBRE INTERDISCIPLINARIDADE NO ENSINO, NA PESQUISA E NA EXTENSÃO, 1., 2013, Florianópolis. Anais [...]. Florianópolis: UFSC, 2013. p. 1-10.

MIGOWSKI, A. et al. Diretrizes para detecção precoce do câncer de mama no Brasil. II - Novas recomendações nacionais, principais evidências e controvérsias. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 34, n. 6, p. e00074817, 2018. DOI: https://doi.org/10.1590/0102- 311x00074817. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102- 311X2018000600502&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 27 out. 2020.

OHL, I. C. B. et al. Ações públicas para o controle do câncer de mama no Brasil: revisão integrativa. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v. 69, n. 4, p. 793-803, ago. 2016.

DOI: http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167.2016690424i

OLIVEIRA, E. S. et al. A educação a distância (EaD) e os novos caminhos da educação após a pandemia ocasionada pela Covid-19. Brazilian Journal of Development, Curitiba, v. 6, n. 7, p. 52860-52867, jul. 2020. DOI: doi.org/10.34117/bjdv6n7-799

RESER, M. R.; SILVA, C. H. Ambiente virtual de aprendizagem sobre adesão à farmacoterapia pelos usuários dos serviços de saúde do SUS para os profissionais de saúde. Saberes Plurais: Educação na Saúde, Porto Alegre, v. 2, n. 1, p. 23-23, 2018. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/saberesplurais/article/view/88884/51260. Acesso em: 27 out. 2020.

SANTOS, G. M. T. et al. Educação superior: reflexões a partir do advento da pandemia da Covid-19. Boletim de Conjuntura, Boa Vista, v. 4, n. 10, p. 108-114, out. 2020. DOI: http://dx.doi.org/10.5281/zenodo.4073037

SALCI, M. A. et al. Health education and its theoretical perspectives: a few reflections. Texto & Contexto - Enfermagem, Florianópolis, v. 22, n. 1, p. 224-230, mar. 2013. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/s0104-07072013000100027


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.