Aplicativos para o ensino e aprendizagem de Química Orgânica

Autores

  • Aline Grunewald Nichele IFRS - Campus Porto Alegre
  • Letícia Zielinski do Canto IFRS - Campus Porto Alegre

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.85994

Palavras-chave:

Apps, smartphones, tablets, química orgânica.

Resumo

Tecnologias móveis e sem fio (TMSF), em especial tablets e smartphones, estão alterando nossa relação com a informação e a forma de produzir conhecimento. A perspectiva educacional que utiliza as TMSF é propiciada pelos Apps instalados, que conferem diferentes funcionalidades aos dispositivos móveis. Especificamente para o ensino e aprendizagem de Química Orgânica, a visualização e a interatividade viabilizada por Apps de Química possibilitam vivências e experiências que ampliam a compreensão dessa ciência. Com o intuito de identificar os Apps com potencial para os processos de ensino e aprendizagem em Química Orgânica, esse trabalho teve como objetivo selecionar, categorizar e identificar as possíveis aplicações dos Apps para o ensino e aprendizagem de Química Orgânica. Para isso realizou-se uma busca de Apps em lojas virtuais. Como resultado, foram selecionados e analisados 59 Apps, os quais foram categorizados conforme suas funcionalidades e temas da Química Orgânica que abordam.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-07-21

Como Citar

GRUNEWALD NICHELE, A.; ZIELINSKI DO CANTO, L. Aplicativos para o ensino e aprendizagem de Química Orgânica. Revista Novas Tecnologias na Educação, Porto Alegre, v. 16, n. 1, 2018. DOI: 10.22456/1679-1916.85994. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/85994. Acesso em: 23 fev. 2024.

Edição

Seção

Games e aplicativos