Contexto histórico e reflexões sobre hipertextos, hipermídia e sua influência na cultura e no ensino do Século XXI

Autores

  • Maria Isabel Timm UFRGS
  • Fermando Schnaid UFRGS
  • Milton Antônio Zaro UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.13669

Palavras-chave:

ensino a distancia, hipermídia, hipertextos

Resumo

O artigo apresenta e reflete sobre elementos relacionados à
contextualização histórica das estruturas hipertextuais de produção, acesso e
recuperação de informações, com base em rápidos resumos das idéias de
Vannevar Bush e Ted Nelson, considerados precursores de sua implementação,
bem como da contribuição de Doug Engelbart com o desenvolvimento de
periféricos – o mouse e o teclado - que viabilizaram a agilidade da interação
homem-computador e, portanto, contribuíram para a instantaneidade, uma
desejada característica dos hipertextos mediados por esta tecnologia. Estabelece
algumas reflexões relacionadas às naturezas da hipermídia, enquanto meio de
comunicação social, uma das quais a natureza técnica, puramente informacional, e
outra criativa, estética, quase artística, que permite ao planejador incluir a
sensorialidade e a emoção aos recursos narrativos e à representação de conteúdos.
Reflete sobre a inserção desse tipo de
comunicação na cultura contemporânea, alterando as possibilidades de percepção
e representação da realidade e, em função disso, do ensino, em especial do ensino
a distância, cuja história e desenvolvimento ficou definitivamente marcado pela
mediação tecnológica dos computadores e da Internet, com sua linguagem
marcadamente hipertextual.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2004-03-25

Como Citar

TIMM, M. I.; SCHNAID, F.; ZARO, M. A. Contexto histórico e reflexões sobre hipertextos, hipermídia e sua influência na cultura e no ensino do Século XXI. RENOTE, Porto Alegre, v. 2, n. 1, 2004. DOI: 10.22456/1679-1916.13669. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/13669. Acesso em: 29 set. 2022.