Elementos indicativos de abuso sexual na infância obtidos pelo método Rorschach

Autores

  • Maria da Graça Gastal Borges Fortes Hospital de Clínicas de Porto Alegre
  • Miriam de los Santos Scheffer Hospital de Clínicas de Porto Alegre
  • Natália Soncini Kapczinski Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Palavras-chave:

Abuso sexual infantil, Rorschach

Resumo

Objetivo: Determinar indicativos de abuso sexual infantil através do Método Rorschach em crianças atendidas pela Equipe de Proteção à Criança do Hospital de Clínicas de Porto Alegre no período entre 2002 e 2003. Métodos: Estudo retrospectivo qualitativo e quantitativo de nove crianças, com idades entre quatro anos e seis meses e onze anos, abusadas sexualmente, cuja ocorrência do fato foi verbalizada pelas próprias ou por seus responsáveis. Todas tiveram confirmação por médicos pediatras da própria instituição do abuso sexual sofrido. Todos os pacientes foram testados pelo método Rorschach com resultados supervisionados por profissional do Serviço de Psicologia da instituição. A partir do laudo e das respostas encontradas nos protocolos foram criadas categorias para o estu-do. Para a codificação das respostas foi utilizado o sistema de classificação de Klopfer. Resultados: O Método Rorschach forneceu indicativos de abuso sexual nas nove crianças estudadas. Depressão, ansiedade, impulsividade, dificuldades nos relacionamentos, foram características de personalidade que apareceram com maior freqüência. Na análise dos protocolos surgiram conteúdos traumáti-cos, tais como sangue, sexo, morbidez, medo e movimento agressivo. Conclusões: Este trabalho mostrou que o Método Rorschach pode fornecer indicativos de abuso sexual. Pela análise dos laudos se observou que as crianças estudadas apresentaram dificuldades relativas à estruturação de uma personalidade saudável.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria da Graça Gastal Borges Fortes, Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Psicóloga, estagiária do Serviço de Psicologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) em 2003.

Miriam de los Santos Scheffer, Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Psicóloga, estagiária do Serviço de Psicologia do Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) em 2003.

Natália Soncini Kapczinski, Hospital de Clínicas de Porto Alegre

Psicóloga do Serviço de Psicologia do HCPA.

Downloads

Publicado

2008-01-28

Como Citar

1.
Borges Fortes M da GG, Scheffer M de los S, Kapczinski NS. Elementos indicativos de abuso sexual na infância obtidos pelo método Rorschach. Clin Biomed Res [Internet]. 28º de janeiro de 2008 [citado 6º de dezembro de 2022];27(3). Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/469

Edição

Seção

Artigos Originais

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)