Liga com Memória de Forma: Estudo Preliminar do Grampo de Judet de Nitinol e sua Possível Aplicação em Tórax Instável

Autores

  • Denis Jardim Villarinho UFRGS
  • Lírio Schaeffer Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Maurício Guidi Saueressig Hospital de Clínicas de Porto Alegre, RS
  • Bruno Rocha de Macedo Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Diego Baldissera Hospital de Pronto Socorro
  • Amarilio Vieira de Macedo Neto HCPA/UFRGS

Palavras-chave:

Nitinol, Liga Memória de Forma

Resumo

Este artigo sucintamente descreve a evolução da liga metálica “inteligente”, com memória de forma na área de Saúde. A confecção de grampos de Judet em nitinol ocorreu no Laboratório de Transformação Mecânica da UFRGS (LdTM) e a simples verificação das qualidades superelásticas e de memória de forma foram contempladas no LdTM e no HCPA pela equipe envolvida no projeto. A título de ilustração, demonstramos com um caso clínico a aplicabilidade do grampo de Judet no cenário de instabilidade da parede torácica, a qual, além de prejudicar a mecânica respiratória, apresenta uma alta taxa de mortalidade. Os resultados preliminares evidenciaram a transformação provocada pelo calor, ocasionando o fechamento das garras dos grampos de Judet, que se manteve firme e sem alteração da consistência com o tempo, permitindo antever sua aplicabilidade num modelo experimental. Grampos de Judet em Nitinol são apresentados teoricamente como vantajosos em relação aos já existentes em aço inoxidável 316L, especialmente pela facilidade de manuseio e possível simplificação do procedimento cirúrgico. Detalhes no acabamento permitem a biocompatibilidade e o engenheiro projetista de materiais deve compatibilizar as ligas de níquel e titânio (NiTi) utilizadas nos grampos. O nitinol possui amplo emprego no cenário médico-odontológico e há normas técnicas bem definidas. A epidemiologia do trauma e a gravidade das lesões associadas à instabilidade da parede torácica evidenciam a oportunidade de estudos nessa direção. Concluímos sobre a necessidade de prosseguir para uma avaliação experimental, agregando a mensuração de parâmetros viscosos e viscoelásticos da mecânica respiratória, especialmente em seu componente de parede torácica (cw).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Amarilio Vieira de Macedo Neto, HCPA/UFRGS

possui graduação em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1981), mestrado (1988) e doutorado (1995) em Medicina (Cirurgia Geral: setor Tórax) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Pós-doutorado (2000-2001) em circulação pulmonar e transplantes torácicos pela Université Paris-Sud, Centre Chirurgical Marie Lannelongue - France. Atualmente é professor adjunto do Departamento de Cirurgia da Faculdade de Medicina da UFRGS e Presidente do Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Principais áreas de interesse são: tromboendarterectomia pulmonar na hipertensão pulmonar tromboembólica , transplantes de pulmão, broncoscopia terapêutica/endoprótese de silicone HCPA-1(patenteada) e tratamento endoscópico do enfisema pulmonar com válvulas endobrônquicas. Pesquisador do VAP (Laboratório de Vias aéreas e Pulmão) do Centro de Pesquisa do HCPA.

Downloads

Publicado

2010-04-13

Como Citar

1.
Villarinho DJ, Schaeffer L, Saueressig MG, Macedo BR de, Baldissera D, Macedo Neto AV de. Liga com Memória de Forma: Estudo Preliminar do Grampo de Judet de Nitinol e sua Possível Aplicação em Tórax Instável. Clin Biomed Res [Internet]. 13º de abril de 2010 [citado 28º de janeiro de 2023];30(1). Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/12681

Edição

Seção

Artigos Originais