CARACTERÍSTICAS DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA EM CAPITAL INTELECTUAL: UM ESTUDO EPISTEMOLÓGICO NO CONTEXTO NACIONAL E INTERNACIONAL A PARTIR DAS PERSPECTIVAS PROPOSTAS POR MARR (2005)

Autores

  • Donizete Reina Universidade Federal de Santa Catarina
  • Diane Rossi Maximiano Reina Universidade Federal de Santa Catarina
  • Sandra Rolim Ensslin Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

Capital intelectual, Estudo epistemológico, Produção científica, Perspectivas propostas por Marr, Contexto nacional e internacional

Resumo

O capital intelectual tem despertado olhares de profissionais, mercado acionário, empresas e diversos estudiosos da área. Tal interesse pode estar intrínseco às características desse tema: multidisciplinaridade, nova fonte de conhecimento que gera vantagem competitiva e potencialidades de retornos anormais para investidores, segundo aponta a literatura. Assim, o objetivo desta pesquisa é identificar, sob o aspecto epistemológico, características da produção científica em capital intelectual nos contextos nacional e internacional. Este estudo se classifica como exploratório, descritivo e qualitativo; possui natureza teórica conceitual e lógica indutiva. O estudo é também documental e adota a técnica de análise de conteúdo. Como principais resultados: (i) no contexto nacional, destaca-se a natureza empírica em relação à teórica, sendo que mais de 95,0% dos trabalhos na perspectiva de Evidenciação e 90,0% na perspectiva Financeira são empíricos; (ii) identificou-se que, no contexto nacional, a perspectiva Estratégica trabalha com modelos de medição e gerenciamento do capital intelectual, bem como metodologias multicritérios, enquanto que no contexto internacional, na perspectiva Estratégica, observou-se a adoção de modelos com base no recurso e conceito (RBV), com base no conhecimento (KBV), balanços ou quadros - Balanced Scorecard (BSC) e modelos específicos de capital intelectual (IC); (iii) quanto aos segmentos econômicos, destaca-se, no contexto nacional, foco no ensino com 13 trabalhos (9,8%). No contexto internacional, os segmentos Financeiro, Bancário, Industrial e Empresas de Alta Tecnologia foram os que mais receberam atenção em relação aos estudos empíricos, representando, nesse sentido, mais de 10,0% dos trabalhos identificados. Conclui-se que as discussões teóricas são pertinentes ou estão relacionadas com as definições sugeridas por Marr (2005) nas dez perspectivas propostas em ambos os contextos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-03-02

Como Citar

REINA, D.; REINA, D. R. M.; ENSSLIN, S. R. CARACTERÍSTICAS DA PRODUÇÃO CIENTÍFICA EM CAPITAL INTELECTUAL: UM ESTUDO EPISTEMOLÓGICO NO CONTEXTO NACIONAL E INTERNACIONAL A PARTIR DAS PERSPECTIVAS PROPOSTAS POR MARR (2005). ConTexto - Contabilidade em Texto, Porto Alegre, v. 11, n. 19, p. 61–76, 2011. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/ConTexto/article/view/18238. Acesso em: 1 dez. 2022.