Specialization and Growth Sources of Agribusiness Exports

an Analyze of Rio Grande do Sul according to Global South Perspective

Autores

  • Sergio Leusin Junior Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), Departamento de Economia e Estatística (DEE). Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-4037-7211
  • Rodrigo Daniel Feix Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), Departamento de Economia e Estatís tica (DEE). Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil. https://orcid.org/0000-0001-5325-4758
  • Guilherme Daros

DOI:

https://doi.org/10.22456/2176-5456.91641

Palavras-chave:

agronegócio, comércio Sul-Sul, Constant Market Share, Rio Grande do Sul

Resumo

Esse estudo busca identificar e analisar as fontes de crescimento das exportações do agronegócio do Rio Grande do Sul entre 1999 e 2016, período marcado por transformações econômicas internas e externas, com destaque para a ascensão
e declínio dos preços das commodities agrícolas. Para o atendimento desse objetivo, recorre-se ao modelo matemático constant market share. Os resultados são analisados à luz de estudos teóricos e aplicados sobre os padrões de consumo alimentar no
mundo e corroboram a tese de que o crescimento e a mudança da pauta de exportações do agronegócio gaúcho estão cada vez mais vinculados à demanda de países que compõem o que se convencionou chamar de Sul global. Essa característica deriva,
dentre outros fatores, da mudança estrutural e, por consequência, dos padrões de consumo alimentar em curso em países de baixa e média renda, densamente povoados e em processo de urbanização, como a China, que incentivam a especialização produtiva do agronegócio gaúcho em setores nos quais a competitividade se estabelece via custos e há restrito espaço para a diferenciação de produto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2022-03-31

Como Citar

Leusin Junior, S., Feix, R. D., & Daros, G. (2022). Specialization and Growth Sources of Agribusiness Exports: an Analyze of Rio Grande do Sul according to Global South Perspective. Análise Econômica, 40(81). https://doi.org/10.22456/2176-5456.91641

Edição

Seção

Artigos