Cotidianos Escolares em Imagens

Carlos Eduardo Ferraço, Marco Antonio Oliva Gomes

Resumo


O artigo tem como objetivo problematizar os cotidianos escolares em imagens, a partir de intercessores e conceitos da Filosofia da diferença de Deleuze e Guattari. Para tanto, assume como referência os dados-imagens-grafites produzidos durante as pesquisas que desenvolvemos com os cotidianos de escolas públicas de Vitória/ES, Brasil. O texto assume que para falar dos cotidianos escolares em imagens, de modo a potencializar o intempestivo, a produção de sentidos e a multiplicidade dos conhecimentos, é preciso investir em uma outra atitude de pesquisa que considere o caos, o acaso e a permanente abertura e complexidade dos cotidianos escolares como potências para a constituição de um plano de imanência e para a criação de conceitos. O artigo sustenta a ideia de impossibilidade de se eleger imagens que seriam consideradas as mais representativas para se falar dos acontecimentos das escolas. 


Palavras-chave


Imagem-representação. Imagem-sensação. Clichê. Cotidiano Escolar.



Direitos autorais 2017 Educação & Realidade

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo