Por uma Crítica à Nova Filosofia da Educação Musical

Autores

  • Luís Fernando Lazzarin Universidade Federal de Roraima

Palavras-chave:

Educação Musical. Filosofia da Educação Musical. Nova Filosofia da Educação Musical.

Resumo

Este artigo trata, primeiramente, das concepções sobre a natureza procedural da experiência musical, apresentadas pela "Nova Filosofia da Educação Musical" (NFEM), nascidas da crítica à "Filosofia da Educação Musical" (FEM). Em seguida, a discussão tensiona as dimensões que constituem o modelo multi dimensional da NFEM e questiona a preponderância à atividade de fazer musical, como única natureza da experiência com música. Argumento que a Educação Musical (EM) deve pensar em termos de múltiplas naturezas da experiência musical e, contra uma polarização artificial e improdutiva entre o ouvir e o fazer musicais, gerada pela disputa entre a FEM E a NFEM.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luís Fernando Lazzarin, Universidade Federal de Roraima

Luís Fernando Lazzarin é professor adjunto do Centro de Educação da Universidade Federal de Roraima e membro do Grupo de Pesquisa em Educação Musical (GEMUS/PPGEDU/UFRGS).

Arquivos adicionais

Publicado

2011-09-13

Como Citar

Lazzarin, L. F. (2011). Por uma Crítica à Nova Filosofia da Educação Musical. Educação &Amp; Realidade, 30(1). Recuperado de https://seer.ufrgs.br/index.php/educacaoerealidade/article/view/23018

Edição

Seção

Artigos