Sala de Aula Invertida em aulas de Matemática Financeira Básica no Ensino Médio: reflexões sobre atividades e recursos didáticos digitais

Autores

  • Rosivar Marra Leite Sanches IFFluminense
  • Silvia Cristina Freitas Batista IFFluminense
  • Valéria de Souza Marcelino IFFluminense

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.95858

Palavras-chave:

Sala de Aula Invertida em aulas de Matemática Financeira Básica no Ensino Médio, reflexões sobre atividades e recursos didáticos digitais

Resumo

A Sala de Aula Invertida (SAI) é uma metodologia ativa que propõe o uso do
tempo de sala de aula para a realização de atividades diferenciadas, ficando o estudo dos temas como uma ação extraclasse. Este artigo tem como objetivo apresentar atividades e recursos didáticos digitais para a aplicação da SAI em aulas de Matemática Financeira Básica, no Ensino Médio, assim como analisar dados de um teste exploratório desses materiais. A elaboração e a seleção dos materiais tiveram por base critérios da literatura e a Teoria da Aprendizagem Significativa. Posteriormente, foi realizado um teste exploratório com professores de Matemática. A pesquisa teve caráter qualitativo e os dados, coletados por observação, questionários e fóruns de discussão, sinalizaram que os materiais estavam adequados e, também, permitiram tecer reflexões sobre o tema.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-07-28

Como Citar

MARRA LEITE SANCHES, R.; CRISTINA FREITAS BATISTA, S.; DE SOUZA MARCELINO, V. Sala de Aula Invertida em aulas de Matemática Financeira Básica no Ensino Médio: reflexões sobre atividades e recursos didáticos digitais. Revista Novas Tecnologias na Educação, Porto Alegre, v. 17, n. 1, p. 476–485, 2019. DOI: 10.22456/1679-1916.95858. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/95858. Acesso em: 3 mar. 2024.

Edição

Seção

Teorias educacionais aplicadas à TIC