Proposta de um Modelo de Avaliação de Jogos Educacionais

Autores

  • Rafael Savi Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento – EGC/UFSC.
  • Christiane Gresse Von Wangenheim Dr.rer. nat., Professora do Departamento de Informática e Estatística – INE/ UFSC.
  • Vania Ulbricht Dra. Professora do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento – EGC/UFSC.
  • Tarcisio Vanzin Dr., Professor do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento – EGC/UFSC.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.18043

Palavras-chave:

jogos educacionais, avaliação, experiência do usuário

Resumo

Este artigo apresenta e propõe um modelo para a avaliação de jogos educacionais baseado no modelo de avaliação de programas de treinamento de Kirkpatrick, nas estratégias motivacionais do modelo ARCS de Keller, na área de experiência do usuário e na taxonomia de objetivos educacionais de Bloom. A estrutura do modelo e um questionário para a coleta de dados com base da percepção dos alunos são apresentados. Espera-se que este modelo possa trazer contribuições para a qualidade de jogos educacionais e a orientar professores na seleção e uso deste tipo de material educacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-12-28

Como Citar

SAVI, R.; VON WANGENHEIM, C. G.; ULBRICHT, V.; VANZIN, T. Proposta de um Modelo de Avaliação de Jogos Educacionais. RENOTE, Porto Alegre, v. 8, n. 3, 2010. DOI: 10.22456/1679-1916.18043. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/18043. Acesso em: 2 out. 2022.