Marcial, Meleagro e alguns Tópoi do Epigrama

Flávia Vasconcellos Amaral

Resumo


É sabido que Marcial escreveu muitos epigramas ditos metapoéticos, nos quais a reflexão sobre o fazer epigramático compreende desde o número de versos até a temática apropriada ao leitor e ao momento. Estranha-se o fato de não haver referência aos epigramatistas gregos, os quais foram os grandes poetas do gênero antes de Marcial. Notando semelhanças temáticas, J.P. Sullivan, em sua obra monumental “Martial: the unexpected classic” de 1991, elenca, em uma tabela, os epigramas de Marcial e os respectivos epigramas gregos que poderiam ter sido fonte mimética para o autor latino. Valendo-se de tal tabela, pretende-se identificar quais temáticas de Meleagro, epigramatista grego, Marcial teria se valido para a composição de alguns dos seus epigramas.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2238-8915.60472

Direitos autorais 2016 Organon



E-ISSN: 22388915 / ISSN Impresso: 0102-6267

LICENÇA

Os artigos publicados na revista estão sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

INDEXADORES

  

     

   

 

           Imagen relacionada

   

Flag Counter