O QUE DIZEM OS EDUCANDOS SOBRE AS SUAS APRENDIZAGENS NO AVA MOODLE

Autores

  • Thiago Sávio Carbone Doutorando em Educação/Programa de Pós-graduação em Educação/UNISINOS – Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Mestre em Ciências da Computação/Universidade Federal de Pernambuco. Docente do Instituto Federal do Rio Grande do Sul - IFRS
  • Daniela Brun Menegotto Doutoranda em Informática na Educação/PGIE/Programa de Pós-graduação em Informática na Educação/UFRGS – Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Mestre em Educação/PGEDU – Programa de Pós-graduação em Educação/UNISINOS – Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Docente do Instituto Federal do Rio Grande do Sul - IFRS
  • Profa. Dra. Eliane Schlemmer Doutora em Informática na Educação/UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Mestre em Psicologia do Desenvolvimento/UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Professora e Pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.21983

Palavras-chave:

Ambiente Virtual de Aprendizagem, MOODLE, Aprendizagem.

Resumo

O artigo apresenta um estudo, que consta da análise dos registros que evidenciam as reflexões dos sujeitos, em relação as suas próprias aprendizagens no espaço denominado “Diário” disponível na disciplina “Ambientação no Moodle”, turma iniciada no segundo semestre do ano de 2010, no AVA – Ambiente Virtual de Aprendizagem MOODLE - Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment, utilizado para o desenvolvimento do Curso Técnico em Informática – Formação de Instrutores, na modalidade a distância, do IFRS - Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul – Campus Bento Gonçalves. O Curso tem como objetivo oportunizar a construção do conhecimento em diferentes áreas da informática e a aplicabilidade dos recursos tecnológicos no mercado de trabalho, além de contribuir para o desenvolvimento e qualificação do ensino de informática, através da inclusão no mercado, de profissionais qualificados, inovadores e capazes de transformar a realidade vivenciada. Partindo do princípio da liberdade e das características de flexibilidade e adaptabilidade, além da versatilidade proporcionada pela grande rede: a Internet, a análise dos dados coletados teve como fundamentação teórica os estudos das obras de Castells (2003) e Moraes (2003).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-07-28

Como Citar

CARBONE, T. S.; MENEGOTTO, D. B.; SCHLEMMER, P. D. E. O QUE DIZEM OS EDUCANDOS SOBRE AS SUAS APRENDIZAGENS NO AVA MOODLE. RENOTE, Porto Alegre, v. 9, n. 1, 2011. DOI: 10.22456/1679-1916.21983. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/21983. Acesso em: 4 dez. 2022.