Educação e ciclos políticos, em Portugal –

Que relações? Evidências das últimas décadas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21573/vol38n002022.122619

Palavras-chave:

educação superior, políticas públicas, ciclos políticos, enquadramento político e económico da governação

Resumo

O papel do ensino superior no desenvolvimento, exige políticas públicas educativas que impactam nos indivíduos e na sociedade. Neste artigo, analisa-se a evolução da procura de ensino superior, no período 2000-2020 em Portugal, à luz de políticas públicas conduzidas em contextos diferentes: períodos de crescimento económico e de austeridade; períodos de governação de centro-direita e de centro-esquerda, a fim de perceber se existe ligação entre a procura de educação e o enquadramento político do governo aceitando-se a hipótese de que a procura varia consoante o espectro político do governo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BECKER, Gary. Human Capital – A Theoretical and Empirical Analysis, with Special Reference to Education. New York: Columbia University Press, 1964.

BOURDIEU, Pierre; PASSERON, Jean-Claude. Les Héritiers. Paris : Les Éditions Minuit, 1964.

BOURDIEU, Pierre; PASSERON, Jean-Claude. La reproduction. Paris: Les Éditions Minuit, 1970.

CERDEIRA, Luísa. O Financiamento do Ensino Superior Português. A partilha de custos. Tese de Doutoramento. Coimbra: Almedina, 2009.

CERDEIRA, Luisa. Financiamento: evolução e tendências. In Margarida Mano (Coord.). Roteiro do plane(j)amento estratégico. percursos e encruzilhadas do ensino superior no espaço de língua portuguesa. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2015.

CERDEIRA, Luísa; CABRITO, Belmiro Gil; MUCHARREIRA, Pedro Ribeiro. O crescimento do Ensino Superior no Portugal democrático: evolução da pós-graduação e da produção científica. Eccos – Revista Científica, n. 51, p. 1-24, 2019.

CERDEIRA, Luísa; CABRITO, Belmiro Gil; MUCHARREIRA, Pedro Ribeiro. Portuguese Scientific System Growth and Public Funding of Higher Education between 1995 and 2020. In R. V. Nata (Ed.). Progress in Education – Volume 67. New York: Nova Science Publishers, p. 77-107, 2021.

DGES. Direção-Geral do Ensino Superior – Legislação. Disponível em: https://www.dges.gov.pt/pt/legislacao/todas. Acesso em: 15 fev. 2022.

INE. Instituto Nacional de Estatística. Disponível em: https://www.ine.pt/. Acesso em: 15 fev. 2022.

LOPES, Margarida Chagas. Educação, desenvolvimento e conhecimento: novas roupagens da troca desigual e globalização. O caso da África subsariana. In Grandes Lições. Volume 2. Fundação Calouste Gulbenkian. Próximo Futuro. Lisboa: Tinta da China. 1.ª edição, 111-135, 2013.

PORDATA. Estatísticas de Portugal – Base de Dados de Portugal Contemporâneo. Disponível em: https://www.pordata.pt/Portugal. Acesso em: 10 fev. 2022.

PORTUGAL. Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (PO13). Proposta de Orçamento do Estado para 2021. Disponível em: https://www.dges.gov.pt/pt/content/proposta-de-orcamento-de-estado-para-2021-ciencia-tecnologia-e-ensino-superior-po13. Acesso em: 1 nov. 2020.

PORTUGAL. Governo de Portugal. Disponível em: https://www.portugal.gov.pt/pt/gc22. Acesso em: 15 fev. 2022.

SCHULTZ, Theodore. Investment in Human Capital. American Economic Review, v. 51, n. 1 p.1-17, 1961.

Downloads

Publicado

2022-10-18

Como Citar

Cabrito, B., Cerdeira, L., & Mucharreira, P. R. (2022). Educação e ciclos políticos, em Portugal – : Que relações? Evidências das últimas décadas. Revista Brasileira De Política E Administração Da Educação, 38(00). https://doi.org/10.21573/vol38n002022.122619

Edição

Seção

Seção temática: Políticas, gestão e direito à educação superior: novos modos de regulação e tendências em construção