Prevalência de paraceratinização e ortoceratinização em ceratocistos odontogênicos

Manoel Sant'Ana Filho, Pantelis Varvaki Rados, Taciana Samrsla Bremm

Resumo


O objetivo desse trabalho foi o de verificar o padrão de ceratinização mais freqüente nos ceratocistos odontogênicos diagnosticados no Laboratório de Patologia da FO/UFRGS. Foram selecionados no total 54 casos de ceratocistos odontogênicos, sendo 39 (72%) com paraceratinização e 15 (28%) ortoceratinização. Constataram-se 4 (7%) recidivas, sendo 3 em cistos com paraceratinização. Sugere-se que o padrão de ceratinização apresenta relação com o comportamento dessa patologia.

Palavras-chave


Ceratocisto; Cistos odontogênicos; Cistos da boca

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2177-0018.7811

e-ISSN 2177-0018 / ISSN 0566-1854