Prevalência da síndrome de disfunsão em jovens de 14 a 20 anos de idade. Utilização do índice anamnésico de Helkimo

Rejane Nunes, Maria Cristina Martins, Eleutério Araújo Martins

Abstract


O presente trabalho inclui uma revisão da bibliografia pertinente à síndrome de dor e disfunção (SDD) dos músculos e da ATM no que se refere a estudos epidemiológicos. Foram avaliadas informações anamnésicas de sintomatologia, obtidas por questionário, bem como casos de ausência da mesma, em 200 estudantes situados na faixa etária de 14 a 20 anos, no sul do Brasil. Vinte e oito por cento (28%) não relataram sintomatologia (AiO). Trinta e quatro por cento (34%) relataram sintomas leves de disfunção (Ail). Trinta e oito por cento (38%) relataram sintomatologia grave de disfunção (Aill). Foi registrada uma prevalência de setenta e dois por cento (72%) de pacientes relatando alguma sintomatologia de disfunção (Ail + Aill).



DOI: https://doi.org/10.22456/2177-0018.102170

Licença Creative Commons

e-ISSN 2177-0018 / ISSN 0566-1854.

descrição da foto descrição da foto descrição da foto descrição da foto descrição da foto descrição da foto descrição da fotodescrição da foto