O ensino de História e a resistência aos medos de falar, de ser e de dizer

Pedro Soares Gediel, Fernando Seffner

Resumo


O medo e a criação de um estado de pânico moral são eficientes ferramentas de controle social. Mesmo que não hajam leis aprovadas vinculadas ao programa do escola sem partido (a única lei estadual aprovada encontra-se suspensa pelo STF), o relato deseja analisar, a partir de experiências vivenciadas no trabalho escolar e estágios, os modos pelos quais certa mordaça na abordagem de temas sensíveis no ensino de história já vem se instalando.


Palavras-chave


PIBID, ensino de História, escola sem mordaça.

Texto completo:

PDF

Referências


FRIGOTTO, Gaudêncio. “ESCOLA SEM PARTIDO”: IMPOSIÇÃO DA MORDAÇA AOS EDUCADORES. e-Mosaicos - Revista Multidisciplinar de Ensino, Pesquisa, Extensão e Cultura do Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira(CAp-UERJ). V.5-N.9 - Junho 2016. Disponível em: http://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/e-mosaicos/article/view/24722. Acesso em 10/02/2018.

NICOLAZZI, Fernando. Qual o Partido da Escola sem Partido?. Revista do Lhiste, Porto Alegre, num.5, vol.3, jul/dez. 2016.Disponível em:http://seer.ufrgs.br/index.php/revistadolhiste/issue/view/2862/showToc. Acesso em 10/02/2018.

SALEJ, Ana Paula; AMORIM, Marina Alves. O Conservadorismo Saiu do Armário!: a luta contra a ideologia de gênero do Movimento Escola Sem Partido.Revista Ártemis, vol. XXII nº1; jul-dez, 2016. pp. 32-42.Disponível em: http://periodicos.ufpb.br/index.php/artemis/article/view/32142. Acesso em 10/02/2018.

PENNA, Fernando de Araújo. PROGRAMA "ESCOLA SEM PARTIDO": UMA AMEAÇA À EDUCAÇÃO EMANCIPADORA. In: GABRIEL, Carmem Teresa; MONTEIRO, Ana Maria ; MARTINS, Marcus Leonardo Bomfim(orgs.). Narrativas do Rio de Janeiro nas Aulas de História. 1. ed. Rio de Janeiro: MAUAD,2016.p.43-59. Disponível em:https://professorescontraoescolasempartido.files.wordpress.com/2016/07/programa-escola-sem-partido-uma-ameac3a7a-c3a0-educac3a7c3a3o-emancipadora.pdf. Acesso em: 10/02/2018.

MISKOLCI, Richard. Pânicos morais e controle social – reflexões sobre o casamento gay. Cadernos Pagu(28), Campinas, janeiro-junho de 2007:101-128.Disponível em:https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cadpagu/article/view/8644798/0 Acesso em 10/02/2018.

MIGUEL, Luis Felipe.Da “doutrinação marxista” à "ideologia de gênero" - Escola Sem Partido e as leis da mordaça no parlamento brasileiro. Direito e Práxis. Rio de Janeiro, Vol. 07, N. 15, 2016, p. 590-621.Disponível em:http://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/revistaceaju/article/view/25163. Acesso em 10/02/2018.

MATTOS, Amana Rocha, et al.“Escola sem Partido” ou educação sem liberdade?. 2016. Disponível em:http://escolasemmordaca.org.br/download/escola-sem-partido-ou-educacao-sem-liberdade/ . Acesso em 10/02/2018.

PENNA, Fernando Araújo, .Em defesa da liberdade de expressão em sala de aula. 2016. Disponível em: http://escolasemmordaca.org.br/download/em-defesa-da-liberdade-de-expressao-em-sala-de-aula/.Acesso em 10/02/2018.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Lhiste – Laboratório de Ensino de História e Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Porto Alegre

ISSN 2359-5973