Importância de vivências em extensão, pesquisa e ensino para a formação acadêmica e em contexto de pandemia

Autores

  • Maria Luiza Rodrigues Flores Faculdade de Educação – UFRGS
  • Shaiane da Silva Gonçalves Acadêmica de Pedagogia
  • Lenara Valente da Silva Acadêmica de Administração
  • Paola Bassani Antunes Acadêmica da Licenciatura em Educação do Campo

Resumo

O presente artigo traz reflexões sobre a troca de experiências e as oportunidades de aprendizagem para bolsistas do Programa de Extensão Universitária Educação Infantil na Roda, tanto no modelo presencial, quanto no contexto pandêmico da Covid-19. O texto enfatiza as oportunidades formativas oferecidas pelo Programa, que se apoiam no tripé da ação da Universidade, constituído pelo ensino, a pesquisa e a extensão. A metodologia utilizada foi a investigação qualitativa com análise documental e de legislação, além do estudo dos referenciais teóricos sobre o papel da extensão universitária, da pesquisa acadêmica e do ensino na formação de estudantes. Destacam-se as oportunidades de aprendizagem oferecidas no âmbito do Programa, que se desenvolvem junto à equipe composta por docentes da Universidade e de escolas públicas de educação básica da região, colegas de diferentes cursos e participantes nas ações abertas à comunidade. Conclui-se que, em seu conjunto, estas experiências oportunizam a construção das aprendizagens necessárias aos estudantes do ponto de vista de uma formação acadêmica plural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-07-29

Como Citar

RODRIGUES FLORES, M. L.; DA SILVA GONÇALVES, S.; VALENTE DA SILVA, L.; BASSANI ANTUNES, P. Importância de vivências em extensão, pesquisa e ensino para a formação acadêmica e em contexto de pandemia . Revista da Extensão, Porto Alegre, p. 43–50, 2022. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/revext/article/view/126175. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos