Planejamento e burocracia na prática escolar: sentidos que assumem na escola pública

Autores

  • Miguel Henrique Russo Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC

DOI:

https://doi.org/10.21573/vol32n012016.62356

Palavras-chave:

Planejamento escolar, prática escolar, plano escolar.

Resumo

A partir de relato extraído de uma pesquisa empírica e de alguns pressupostos sobre a prática do planejamento no âmbito escolar, o texto desenvolve reflexão crítica com vistas a  melhor compreensão dos determinantes imediatos daquele processo numa escola pública. O relato da pesquisa revela uma prática repetitiva e espontânea. A leitura do texto pode avivar a experiência vicária e orientar a prática escolar segundo uma perspectiva na qual o planejamento seja um instrumento metodológico de construção do projeto escolar e assuma, assim, um papel de catalisador da reflexão coletiva na escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Miguel Henrique Russo, Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC

Política e Administração da Educação

Referências

PARO, Vitor H. Administração escolar: introdução crítica. São Paulo: Cortez: Autores Associados, 1986.

ROMEU, Sonia A. Escola: objetivos organizacionais e objetivos educacionais. São Paulo: EPU, 1987.

RUSSO, Miguel H. Teoria e prática da administração escolar: confluências e divergências. 1995. (311 p.) Tese (Doutorado em Educação) - Universidade de São Paulo, 1995.

______. Apontamentos sobre o planejamento escolar. São Paulo: Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza, 1991 (documento de trabalho, mimeo.).

SÁNCHEZ VÁZQUEZ, Adolfo. Filosofia da práxis. 2ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977.

Downloads

Publicado

2016-06-23

Como Citar

Russo, M. H. (2016). Planejamento e burocracia na prática escolar: sentidos que assumem na escola pública. Revista Brasileira De Política E Administração Da Educação, 32(1), 193–210. https://doi.org/10.21573/vol32n012016.62356