Inserção de Egressos do Ensino Técnico Federal no Mercado de Trabalho Local

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21573/vol38n002022.119752

Palavras-chave:

Egressos, Educação profissional, Inserção no mercado de trabalho, Desenvolvimento socioeconômico local, Políticas educacionais.

Resumo

O objetivo do artigo foi caracterizar a inserção dos egressos de cursos técnicos de nível médio do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes) – Campus Guarapari no mercado de trabalho local. 122 egressos responderam a um questionário eletrônico, aplicado em 2018. Os resultados sugerem uma baixa inserção dos egressos no mercado de trabalho local e não atuação na sua área de formação técnica. Os resultados também indicam que o Ifes de Guarapari não acompanha seus egressos após os estudos e não lhes fornece apoio para inserção profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANDREWS, George Reid. Racial inequality in Brazil and the United States, 1990-2010. Journal of Social History, v. 47, n. 4, p. 829–854, 2014.

ASADULLAH, Muhammad Ali. Quadratic indirect effect of national TVET expenditure on economic growth through social inclusion indicators. SAGE Open, v. 9, n. 1, 2019.

BECKER, Gary Stanley. Human Capital: a theoretical and empirical analysis. New York: Columbia University Press, 1964.

BOURDIEU, Pierre. The forms of capital. In: RICHARDSON, John. (Org.). Handbook of theory and research for the sociology of education. Greenwood, 1986.

BRASIL. Lei no 11.892, de 29 de dezembro de 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 30 dez. 2008. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2008/lei/l11892.html. Acesso em: 17 mar. 2018.

CIAVATTA, Maria. A formação integrada: a escola e o trabalho como lugares de memória e de identidade. In: FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise Nogueira (Orgs.). Ensino médio integrado: concepção e contradições. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2012.

DAVIDIS, Nancy Luz; NOGUEIRA, Jorge Madeira; LEAL, Cícero Pereira. Ensino técnico, mercado de trabalho e incremento de renda: evidências dos egressos do Campus Ceilândia do Instituto Federal de Brasília. Educação em Foco, v. 23, n. 41, p. 357–375, 2020.

DEL PINO, Mauro. Política educacional, emprego e exclusão social. In: GENTILI, Pablo; FRIGOTTO, Gaudêncio. (Orgs.). A cidadania negada: políticas de exclusão na educação e no trabalho. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2008.

FAVERI, Dinorá Baldo de; PETTERINI, Francis Carlo; BARBOSA, Marcelo Ponte. Uma avaliação do impacto da política de expansão dos Institutos Federais nas economias dos municípios brasileiros. Planejamento e Políticas Públicas, n. 50, p. 125–147, 2018.

FRIGOTTO, Gaudêncio. Educação e crise do trabalho: perspectivas de final de século. 9. ed. Petrópolis: Vozes, 2008.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A relação da educação profissional e tecnológica com a universalização da educação básica. In: MOLL, Jaqueline. (Org.). Educação profissional e tecnológica no Brasil contemporâneo: desafios, tensões e possibilidades. Porto Alegre: Artmed, 2010.

GENTILI, Pablo. Educar para o desemprego: a desintegração da promessa integradora. In: FRIGOTTO, Gaudêncio. (Org.). Educação e crise do trabalho: perspectivas de final de século. 9. ed. Petrópolis: Vozes, 2008.

GRABOWSKI, Gabriel; RIBEIRO, Jorge Alberto Rosa. Reforma, legislação e financiamento da educação profissional no Brasil. In: MOLL, Jaqueline. (Org.). Educação profissional e tecnológica no Brasil contemporâneo: desafios, tensões e possibilidades. Porto Alegre: Artmed, 2010.

HANUSHEK, Eric Alan; WOESSMANN, Ludger. The role of cognitive skills in economic development. Journal of Economic Literature, v. 46, n. 3, p. 607–668, 2008.

HILAL, Randa. TVET and decent work in Palestine: lessons learned for fragile states. International Journal of Training Research, v. 17, n. sup1, p. 159–169, 2019.

MANFREDI, Silvia Maria. Educação profissional no Brasil. São Paulo: Cortez, 2002.

MCGRATH, Simon. Vocational education and training for development: A policy in need of a theory? International Journal of Educational Development, v. 32, n. 5, p. 623–631, 2012.

NASCIMENTO, Matheus Monteiro; CAVALCANTI, Cláudio José de Holanda; OSTERMANN, Fernanda. Dez anos de instituição da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica: o papel social dos institutos federais. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, v. 101, n. 257, p. 120–145, 2020.

OLAZARAN, Mikel; ALBIZU, Eneka; OTERO, Beatriz; LAVÍA, Cristina. Vocational education–industry linkages: intensity of relationships and firms’ assessment. Studies in Higher Education, v. 44, n. 12, p. 2333–2345, 2019.

PAIS, José Machado. Ganchos, tachos e biscates: jovens, trabalho e futuro. 2. ed. Porto, Portugal: Ambar, 2005.

PAUL, Jean-Jacques. Acompanhamento de egressos do ensino superior: experiência brasileira e internacional. Caderno CRH, v. 28, n. 74, p. 309–326, 2015.

PNP, Plataforma Nilo Peçanha. Plataforma Nilo Peçanha 2020 - Ano-Base 2019, 2020. Disponível em: http://plataformanilopecanha.mec.gov.br/2020.html. Acesso em: 19 mai. 2021.

POCHMANN, Marcio. O emprego na globalização: a nova divisão internacional do trabalho e os caminhos que o Brasil escolheu. São Paulo: Boitempo Editorial, 2001.

POCHMANN, Marcio. O emprego no desenvolvimento da nação. São Paulo: Boitempo, 2008.

POWELL, Lesley. Reimagining the purpose of VET - Expanding the capability to aspire in South African Further Education and Training students. International Journal of Educational Development, v. 32, n. 5, p. 643–653, 2012.

RAMOS, Marise Nogueira. A pedagogia das competências: autonomia ou adaptação? 3. ed. São Paulo: Cortez, 2006.

RAMOS, Marise Nogueira. Ensino Médio na Rede Federal e nas Redes Estaduais: por que os estudantes alcançam resultados diferentes nas avaliações de larga escala? Holos, v. 2, n. 2017, p. 449–459, 2018.

SAVIANI, Dermeval. Trabalho e educação: fundamentos ontológicos e históricos. Revista Brasileira de Educação, v. 12, n. 34, p. 152–165, 2007.

SCHULTZ, Theodore William. Investment in Human Capital. The American Economic Review, v. 51, n. 1, p. 1–17, 1961.

SCHWARTZMAN, Simon; CASTRO, Claudio de Moura. Ensino, formação profissional e a questão da mão de obra. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 21, n. 80, p. 563–624, 2013.

SILVA, Daniel Rocha; BRANDÃO, Moises Luna; MENDONÇA, Fabricio Molica; DICK, Jelson Luiz. A atuação do egresso do Curso Técnico em Administração no mercado de trabalho. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, v. 1, n. 18, p. 6–17, 2020.

SIMÕES, Carlos Artexes. Educação técnica e escolarização de jovens trabalhadores. In: MOLL, Jaqueline. (Org.). Educação profissional e tecnológica no Brasil contemporâneo: desafios, tensões e possibilidades. Porto Alegre: Artmed, 2010.

SOUSA, Paulo Cicero; ANDRADE, Francisca Rejane Bezerra. Ensino técnico e emprego: uma análise dos egressos do curso técnico em petroquímica do Instituto Federal do Ceará - Campus Caucaia. Conhecer: debate entre o público e o privado, n. 18, p. 132–153, 2017.

TABBRON, Geoffrey; YANG, Jin. The interaction between technical and vocational education and training (TVET) and economic development in advanced countries. International Journal of Educational Development, v. 17, n. 3, p. 323–334, 1997.

VIEIRA, Maria da Solidade Oliveira Cesario; GOMES, Danilo Cortez; SILVA, Joselly Medeiros Tavares. O papel do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN) para a qualificação e empregabilidade: um estudo dos egressos do curso de Informática do IFRN em Currais Novos/RN. Holos, v. 1, p. 168–181, 2011.

Downloads

Publicado

2022-11-23

Como Citar

Carvalho Junior, J. R. A. de, & Coelho Junior, T. de P. (2022). Inserção de Egressos do Ensino Técnico Federal no Mercado de Trabalho Local. Revista Brasileira De Política E Administração Da Educação, 38(00). https://doi.org/10.21573/vol38n002022.119752