Casamento na township: um estudo sobre as transformações estéticas do ritual

Aina Azevedo

Resumo


Este artigo versa sobre um casamento entre falantes de isiZulu na township de Thokosa, África do Sul. Entretanto, a circunscrição a um lugar é desafiada de acordo com as conexões mantidas com as áreas rurais, de onde as pessoas são originárias, e com os movimentos para uma township vizinha, desencadeados pelos rituais que compõem a festa e colocam em relação os futuros parentes. A partir da perspectiva teórica de Mbembe e Nuttall que busca abrir espaço para percepção do modo como a modernidade africana é experienciada de modo original, este artigo se detém nas transformações estéticas, espaciais e animais para demonstrar a subversão de formas impostas pela segregação espacial e racial e pela migração.

Palavras chave: África do Sul. Township. Casamento. Ritual

Wedding in a Township: a study on the a esthetic transformation of the ritual

Abstract

This article is centered in a marriage between isiZulu speakers in the township of Thokosa, South Africa. Meanwhile, the circumscription to an only one place is defied according to the connections maintained with rural areas – the original land –, and according to the moves to another neighboring township – triggered by the rituals that make up the party and put in relation the future relatives. From the theoretical perspective of Mbembe and Nuttall – that seeks to open space for the perception of how African modernity is experienced in an original way –, this article focuses on the aesthetic, spatial and animal transformations to demonstrate the subversion of forms imposed by the spatial and racial segregation and the migration.

Key words: South Africa. Township. Wedding. Ritual


Texto completo:

338-354 PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1984-1191.53155

Revista Iluminuras - Publicação Eletrônica do Banco de Imagens e Efeitos Visuais - NUPECS/LAS/PPGAS/IFCH/UFRGS

E-ISSN 1984-1191