A CONSTRUÇÃO DA REVOLTA: AS REPRESENTAÇÕES DA REVOLUÇÃO DE 1930 NA REVISTA DO GLOBO (1929-1932)

Autores

  • Eduardo Barreto de Araújo

Palavras-chave:

Representação, Imagem, Getúlio Vargas.

Resumo

Este artigo apresenta um estudo sobre a Revolução de 1930 e principalmente a forma como foi representada e trazida ao público leitor nas páginas do periódico “Revista do Globo”, entre os anos de 1929 até 1932. Analisa também de que maneira foi construída e como houve a representação da imagem de Getúlio Vargas como político regional e líder máximo deste movimento nas páginas do periódico. Também apresenta uma breve contextualização do cenário político nacional e gaúcho nos momentos que antecederam a disputa eleitoral de 1930 para a presidência da República, bem como analisa as alianças políticas que foram realizadas no Rio Grande do Sul.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Barreto de Araújo

Graduado em História - Licenciatura Plena pela Universidade de Santa Cruz do Sul (UNISC) (2012), mestrando em História no Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), bolsista FAPERGS (Edital 13/2012). Foi bolsista de Iniciação Científica PUIC/UNISC. Desenvolve pesquisa na Linha: Integração Política e Fronteira. Pesquisador na área de História Cultural e Política. Professor de História no Colégio Estadual Professor Luiz Dourado e na Escola Estadual de Ensino Fundamental Nossa Senhora de Fátima, no município de Santa Cruz do Sul/RS.

Downloads

Publicado

2014-07-07

Como Citar

DE ARAÚJO, E. B. A CONSTRUÇÃO DA REVOLTA: AS REPRESENTAÇÕES DA REVOLUÇÃO DE 1930 NA REVISTA DO GLOBO (1929-1932). Revista Aedos, [S. l.], v. 6, n. 14, 2014. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/42084. Acesso em: 2 jul. 2022.