A imagem do Super-Herói na intervenção com crianças hospitalizadas com câncer: Entre a encenação, a imaginação e o imaginário

Fernando Berto Furlan, Luiza Liene Bressan, Heloisa Juncklaus Preis Moraes

Resumo


O diagnóstico do câncer é recebido tanto pelo paciente quanto pelos familiares de forma dolorosa e de difícil aceitação. A proposta de se trabalhar com o lúdico corrobora a importância de elaborar novas ideias de intervenção quando os pacientes são, em especial, crianças. É neste ponto que a imagem do super-herói, como aquele que supera as adversidades, entra em ação. Esta imagem heroica vem substituir o jaleco branco do médico para firmar ao paciente a convicção de que a doença pode ser vencida. Para coleta de dados, realizamos uma entrevista semiestruturada, de método descritivo com abordagem qualitativa num estudo de caso com a persona Batman do Brasil figurado por Cristiano Zanetta de Matos, atuante voluntário nas áreas oncológicas infantis dos hospitais da região sul catarinense. O escopo teórico se encontra na teoria do imaginário, desenvolvida por Gilbert Durand, partindo da premissa de que a presença mítica do herói transcende as lições do mito.

Palavras-chave: Imaginário. Câncer. Super-Herói. Hospital.

THE IMAGE OF THE SUPERHERO IN THE INTERVENTION WITH CHILDREN HOSPITALIZED WITH CANCER: A STUDY FROM IMAGINARY THEORY

Abstract: The diagnosis of cancer is received by both the patient and the family in a painful and difficult way. The proposal of working with the playful one corroborates the importance of elaborating new ideas of intervention when the patients are, in particular, children. It is at this point that the image of the superhero, as the one who overcomes adversity, comes into play. This heroic image comes to replace the white coat of the doctor to assure the patient the conviction that the disease can be overcome. For this, a semi-structured interview was conducted, from a descriptive method with a qualitative approach in a case study with the person Batman do Brazil figured by Cristiano Zanetta de Matos, volunteer in the children's oncology areas of hospitals in southern Santa Catarina. The theoretical scope of the hero's support lies in the theory of the imaginary, developed by Gilbert Durand, starting from the premise that the mythical presence of the hero transcends the lessons of myth..

Keywords: Imaginary. Cancer. Super hero. Hospital.


Palavras-chave


Imaginário. Câncer. Super-Herói. Hospital.

Texto completo:

162-182 PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1984-1191.90184

Revista Iluminuras - Publicação Eletrônica do Banco de Imagens e Efeitos Visuais - BIEV/LAS/PPGAS/IFCH/UFRGS

E-ISSN 1984-1191