Um ministério com cultura: Gilberto Gil e os exercícios de antropologia aplicada

Jean Segata, Adriana Donato

Resumo


Este trabalho apresenta um estudo sobre o Ministério da Cultura na gestão do Ministro Gilberto Gil e o processo de formulação das principais políticas gestadas no período 2003 a 2008. O primeiro tópico apresenta os principais mecanismos da gestão Gilberto Gil: Sistema Nacional de Cultura, reformulação da Lei Rouanet, Programa Cultura Viva – Pontos de Cultura, Plano Nacional de Cultura e Vale-Cultura. O segundo tópico faz uma reflexão sobre a relação da “ampliação do conceito de cultura” em sua dimensão antropológica e simbólica – ideia implementada pelo ministro – para novas diretrizes das políticas culturais gestadas em seu mandato. Por fim, traz uma reflexão sobre a contribuição da abertura não somente conceitual, mas também a abertura do diálogo entre diversos atores da sociedade civil neste processo de construção das novas diretrizes e das novas políticas culturais no Brasil a partir de 2003.

Palavras-chave: Gilberto Gil. Cultura. Antropologia. Democratização. Políticas Públicas

 

 

A ministry with culture: Gilberto Gil and the exercises in applied anthropology

Abstract: This paper presents a study on the Ministry of Culture in the administration of Minister Gilberto Gil and formulating the central policies implemented from 2003 to 2008. The first topic presents the main mechanisms of the Gilberto Gil administration: the Sistema National Culture System, the reformulation of Lei Rounet, the Program Cultura Viva – Pontos de Cultura, the Plano Nacional de Cultura and the Vale-Cultura. The second topic reflects the relationship between the “expansion of the concept of culture” in its anthropological and symbolic dimension – an idea implemented by the minister – for new guidelines for cultural policies created during his term. Finally, the work reflects on the contribution of conceptual opening and the opening of dialogue between different civil society actors in this process of construction of new guidelines and new cultural policies in Brazil from 2003 onwards. It reflects on how a set of anthropological defenses to traditional, popular and ethnic knowledge, practices, and knowledge converted into an “anthropological concept of culture” guided a vision of democratizing government that is resistant to European models of culture.

Keywords: Gilberto Gil; Culture; Anthropology, Democratization; Public Policies


Palavras-chave


Gilberto Gil; Cultura; Democratização; Políticas Públicas

Texto completo:

56-71 PDF

Referências


ACSELRAD, Maria. Registro do patrimônio vivo de Pernambuco: limites e possibilidades da apropriação do conceito de cultura popular na gestão pública. IN: CALABRE, Lia. (Org). Políticas culturais: reflexões e ações. SP: Itaú Cultural; RJ: Fundação Casa Rui Barbosa, 2009. 305 p.

BRASIL. CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. Brasília, DF: Senado Federal, 05 de outubro de 1988.

______. DECRETO Nº 5.761, DE 27 DE ABRIL DE 2006. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1, 28 abr. 2006.

______. DECRETO Nº 485, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2006. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1, 22 dez. 2006.

______. DECRETO Nº 6.177, DE 1º DE AGOSTO DE 2007. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1, 02 ago. 2007.

______. EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 48, DE 10 DE AGOSTO DE 2005. Diário Oficial da União Brasília, DF, 11 ago. 2005.

______. LEI Nº 8.313, DE 23 DE DEZEMBRO DE 1991. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1, p. 30261. 24 dez. 1991.

______. LEI Nº 8.685, DE 20 DE JULHO DE 1993. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1. 21 jul. 1993.

______. LEI Nº 11.906, DE 20 DE JANEIRO DE 2009. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1. 21 jan. 2009.

______. LEI Nº 12.485, DE 12 DE SETEMBRO DE 2011. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1. 13 set. 2011.

______. LEI Nº 12.599, DE 23 DE MARÇO DE 2012. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1. 23 mar. 2012.

______. LEI Nº 13.018 de 22 de julho de 2014. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1, 23 jul. 2014.

______. MINISTÉRIO DA CULTURA. [Site]. Brasília, [20--]. Disponível em: . Acesso em: 28 fev. 2017.

______. MINISTÉRIO DA CIDADANIA. [Site]. Brasília, [20--]. Disponível em: . Acesso em: 30 jul. 2020.

______. PLANO NACIONAL DE CULTURA: Lei: 12.343/2010. Disponível em: . Acesso em: 10 jul. 2020.

______. LEI Nº 14.017, DE 29 DE JUNHO DE 2020. Diário Oficial da União Brasília, DF, Seção 1, p. 1. 30 jun. 2020.

BOTELHO, Isaura. A política cultural & o plano das ideias. IN: RUBIM, Antônio Albino e BARBALHO, Alexandre (orgs). Políticas culturais no Brasil. Salvador, EDUFBA, 2007.

CALABRE, Lia. (Org). Políticas culturais: diálogo indispensável. Rio de Janeiro: Edições Casa de Rui Barbosa, 2005.

CALABRE, Lia. (Org). Políticas culturais: reflexões e ações. SP: Itaú Cultural; RJ: Fundação Casa Rui Barbosa, 2009. 305 p.

______. Políticas culturais no Brasil: balanço & perspectivas. IN: RUBIM, Antonio Albino Canelas. Políticas culturais no Brasil. Salvador: EDUFBA, 2007.

______. Notas sobre os rumos das políticas culturais no Brasil nos anos 2011-2014. IN: RUBIM, Antonio; BARBALHO, Alexandre; CALABRE, Lia. (Org). Políticas culturais no governo Dilma. Salvador: EDUFBA, 2015. 281 p.

CANEDO, Daniele. A participação social na elaboração de políticas públicas de cultura na Bahia. IN: CALABRE, Lia. (Org). Políticas culturais: reflexões sobre gestão, processos participativos e desenvolvimento. SP: Itaú Cultural; RJ: Fundação Casa de Rui Barbosa, 2009. 145 p.

COSTA, Cleisemery Campos da. História, cultura e gestão: do MEC ao MinC. IN: CALABRE, Lia. (Org). Políticas culturais: reflexões e ações. SP: Itaú Cultural; RJ: Fundação Casa Rui Barbosa, 2009. 305 p.

EBC - Empresa Brasil de Comunicação. 2003. Disponível em: www.memoria.ebc.com.br>. Acesso em: Acesso em: 07 jul. 2020.

GIL, Gilberto. Discursos do Ministro da Cultura Gilberto Gil. Brasília: Ministério da Cultura. Disponível em: . Acesso em: 07 jul. 2020.

______. Que acontece quando se liberta um pássaro? Pronunciamento sobre o Programa Cultura Viva. Berlim, Alemanha, 2 de setembro de 2004. Caderno Cultura Viva. 3ª ed. Brasília: MinC, 2004. p.8-9.

______. IN: Gilberto Gil & Juca Ferreira. Cultura pela Palavra: Coletânea de artigos, entrevistas e discursos dos ministros da Cultura (2003-2010). Org. Armando Almeida; Maria Beatriz Albernaz; Maurício Siqueira. 1ª Edição. Rio de Janeiro, Versal, 2013.

______. [Site]. Rio de Janeiro, [20--]. Disponível em: www.gilbertogil.com.br. Acesso em 08 de jun. 2020.

______. Entrevista concedia para esta Tese no dia 29 de abril de 2020.

GIL, Gilberto. Gilberto Gil. Disponível em: . Acesso em: 02 jul. 2020.

______. Ministro Gilberto Gil fala sobre o Mais Cultura, publicado pelo canal Secretaria Especial da Cultura. Disponível em: . Acesso em: 02 jul. 2020.

______. Inauguração Centro Cultural Univates em 2014, publicado pelo canal Univates. Disponível em: Acesso em: 02 jul. 2020.

______. Discurso na cerimônia de abertura da exposição "Gil70" em 2012. Canal Gilberto Gil. Disponível em: Acesso em: 02 jul. 2020.

FOLHA de São Paulo, 'Prefeito que não foi', Gilberto Gil era empossado vereador de Salvador há 30 anos. UOL. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/poder/2019/03/prefeito-que-nao-foi-gilberto-gil-era-empossado-vereador-de-salvador-ha-30-anos.shtml. Acesso em: 28. Set. 2020.

MINC/FGV. Impactos Econômicos da Lei Rouanet, Fundação Getúlio Vargas, 2018. Disponível em: .

PLANO NACIONAL DE CULTURA, Ministério da Cultura, 2011.

PLANO NACIONAL DE CULTURA: Plataforma. [20--]. Disponível em: . Acesso em 28 jul. 2019.

RUBIM, Antonio Albino Canelas (org). Políticas culturais no Brasil, Salvador: edufba, 2007.

______. Políticas culturais do governo Lula / Gil: desafios e enfrentamentos. Intercom - Revista Brasileira de Ciências da Comunicação, São Paulo, v.31, n.1, p. 183-203, jan/jun. 2008.

______. Paulo MIGUEZ; GIULIANA Kauark; NAOMAR de Almeida. Entrevista com Gilberto Gil. Ministro da Cultura no período de 2003 a 2008. Entrevista realizada em 30 de março de 2009, Salvador, Bahia. Disponível em . Acesso em: 04 out. 2020.

______. Políticas Culturais no Brasil: itinerários e atualidade. IN: BOLAÑO, César; GOLIN, Cida; BRITTOS, Valério (orgs). Economia da arte e da cultura. São Paulo: Itaú Cultural; São Leopoldo: Cepos/Unisinos; Porto Alegre: PPGCOM/UFRGS; São Cristóvão: Obscom/UFS, 2010.

______. BARBALHO, Alexandre, CALABRE, Lia. (Org). Políticas culturais no governo Dilma. Salvador: EDUFBA, 2015. 281 p.

______. Teses sobre financiamento e fomento à cultura no Brasil. IN: VALIATI, Leandro; MOLLER, Gustavo (Org.). Economia Criativa e Políticas Públicas. Porto Alegre: Editora UFRGS/CEGOV, 2016. 305 p.

SIMÕES, Nataly. Alma Preta. De Gilberto Gil a Regina Duarte: para onde vai a Cultura no Brasil? 2020. Disponível em:

. Acesso em: 07 jun. 2020.

SNC - SISTEMA NACIONAL DE CULTURA. 2020. Disponível em:

. Acesso em: 12 set. 2020.

SNIIC - Sistema Nacional de Informações e Indicadores Culturais. 2019. Disponível em: . Acesso em: 20 set. 2020.

UNESCO. Cultural policy: A preliminary study. Paris: UNESCO, 1969.

______. Convenção da Unesco para a Salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial, Paris, 17 de outubro de 2003.

______. Relatório Mundial da UNESCO, Paris: UNESCO, 2009.

UOL. Orçamento em Cultura aumenta 142% desde 2003. Disponível em: . Acesso em: 24 out. 2019.




DOI: https://doi.org/10.22456/1984-1191.110662

Revista Iluminuras - Publicação Eletrônica do Banco de Imagens e Efeitos Visuais - BIEV/LAS/PPGAS/IFCH/UFRGS

E-ISSN 1984-1191

iluminuras@ufrgs.br