Chamada de artigos: Primeiro semestre de 2021 - Edição 57 da Revista Iluminuras

A cidade é um meio vibrante, palco de dinâmicas sociais e culturais distintas. Este dinamismo se reflete na forma como a cidade se constitui enquanto lugar para atos de natureza política que têm marcado de forma drástica o desenvolvimento das nossas sociedades.

As práticas visuais de resistência são o tema do número 57 da Revista Iluminuras, tratando dos protestos, das revoluções, dos ativismos que tem na cidade, seu acontecimento, seu palco e cenário principal. Isto deve-se, certamente, ao fato destas testemunharem de forma marcante problemas como o racismo, o machismo e sexismo, a homofobia e transfobia, a pobreza e a exclusão social, bem como diversos tipos de violência. Estes problemas têm sido mobilizadores de diferentes formas de resistência e de reivindicação de modos alternativos de vida em sociedade.

            De igual forma, a arte e a criação estética se têm revelado, ao longo da história, como dispositivos não apenas de usufruto e prazer dos sentidos, mas também de diálogo e dissenso político. Forma de propaganda ou de resistência, a arte é empregue por diferentes lados da barricada, ora instrumentalizada pelos poderosos, ora arma de afirmação dos subalternos e oprimidos.

            É precisamente a partir deste encontro entre a arte, a imagem e as políticas de resistência na cidade que   convocamos a chamada para esse dossiê da revista Iluminuras. Convidamos pesquisadores e pesquisadoras, artistas e ativistas que, de alguma forma, tenham desenvolvido pesquisas de natureza qualitativa e etnográfica, bem como produções de índole visual e artística que debatam o papel da arte e da imagem enquanto instrumentos de resistência política em meio urbano. 

As submissões deverão privilegiar algum ou alguns dos seguintes temas:

●         Ativismo e suas estratégias artísticas e comunicacionais disruptivas;

●         Abordagens e metodologias estéticas decolonizadoras;

●         Imagem e resistências urbanas;

●         Visualidade, cidade e práticas socioculturais ativistas;

●         Linguagens e tecnologias:  dissenso e resistências;

●         Ciberativismo e articulação entre a rua e a internet;

●         Pós-imagem e as tecnologias da visualidade;

●         Redes urbanas e coletivos artísticos de ativismo visual;

●         Experimentos produtivos, críticos, curatoriais e artísticos de resistência;

●         O design das narrativas ativistas;

●         Crises e reconfigurações do sistema de disseminação visual na democracia contemporânea.

 

Proponentes

José Luís Abalos Júnior – UFRGS, Brasil abalosjunior@gmail.com

Ricardo Campos– Univ. Nova de Lisboa, Portugal rmocampos@yahoo.com.br

Daniel Meirinho – UFRN, Brasil danielmeirinho@hotmail.com

 

O prazo de envio é até 15 de março de 2021. Esta publicação esta prevista para ser lançada em junho de 2021.

Os artigos deverão ser formatados com base nas Diretrizes para Autores disponíveis em: http://seer.ufrgs.br/index.php/iluminuras/about/submissions#authorGuidelines e submetidos em https://seer.ufrgs.br/iluminuras/about/submissions#onlineSubmissions.

Além do envio online, as colaborações devem ser enviados para a Revista Iluminuras <iluminuras@ufrgs.br> com cópia para os emails abalosjunior@gmail.com, rmocampos@yahoo.com.br e danielmeirinho@hotmail.com

Importante: É requerido que todas as submissões incluam o id ORCID (https://orcid.org) para cada um dos autores e coautores, tanto para os artigos como para as categorias de fluxo contínuo.