A ARTE DO MOVIMENTO COMO PESQUISA SOMÁTICO-PERFORMATIVA

Ciane Fernandes

Resumo


No contexto da Prática Artística como Pesquisa, a Arte do Movimento de Rudof Laban fundamenta princípios da Abordagem Somático-Performativa e, mais especificamente, da Pesquisa Somático-Performativa. Sob a perspectiva da Análise Laban/Bartenieff de Movimento, a performatividade consiste no mover e ser co-movido por pulsões espaciais, entre matéria e energia, ebulição e pausa, integrando-se com princípios somáticos, exemplificados no texto com atividades dos Laboratórios de Performance do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal da Bahia (PPGAC/UFBA). Através de procedimentos somático-performativos, os processos de pesquisa em artes cênicas são guiados pela vivência criativa em movimento, em imersões de improvisação e análise, dança e escrita, gradualmente estruturando a inovação do conhecimento de modo dinâmico, coerente e relevante.

 

Palavras-chaves

Arte do Movimento. Análise Laban/Bartenieff de Movimento. Somática. Prática Artística como Pesquisa. Pesquisa Somático-Performativa.

 

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.104331

REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380