A narrativa da experiência em Foucault e Thompson

Fernando Nicolazzi

Resumo


O texto tem por escopo analisar o conceito de experiência nos escritos de Michel Foucault e de Edward Thompson, especificamente a maneira como cada um dos autores organiza, no espaço de uma narrativa histórica, um campo de ação particular, caracterizado pela temporalidade da construção de um sujeito na história.

Palavras-chave


Michel Foucault; Edward Thompson; Experiência

Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE Jr., Durval Muniz. Experiência: uma fissura no silêncio. Territórios e fronteiras, v.3, n. 1, p.61-75, 2002.

ANDERSON, Perry. Teoría, política e historia: un debate con E. P. Thompson. Madrid: Siglo Veintiuno de España Ed., 1985. Original: Arguments within English marxism.

ARAÚJO, Inês Lacerda. Foucault e a crítica do sujeito. Curitiba: Editora da UFPR, 2000.

DAVIS, Natalie Zemon. Culturas do povo: sociedade e cultura no início da França moderna. Trad. Mariza Corrêa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1990.

DE DECCA, Edgar Salvadori. E. P. Thompson: um personagem dissidente e libertário. Projeto História. Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em História e do Departamento de história da PUC/SP, n. 12, out. 1995.

DESAN Suzanne. Massas, comunidade e ritual na obra de E. P. Thompson e Natalie Davis. Trad. Jefferson Luís Camargo. In: HUNT, Lynn. A nova história cultural. São Paulo: Martins Fontes, 1995.

ESCOBAR, Carlos Henrique de (Org.). Dossier Michel Foucault: últimas entrevistas. Rio de Janeiro: Taurus, 1984.

FERRERA, Norberto O. Culturalismo e experiência: leitura dos debates em torno da obra de E. P. Thompson. Diálogos, v. 3, n. 3, 1999.

FOUCAULT, Michel. Discourse and truth: the problematization of parrhesia (1983). Disponível em: http://www.nakayama.org/polylogos/philosophers/foucault/index-e.html.

______. História da sexualidade II: o uso dos prazeres. Trad. Maria Thereza da Costa Albuquerque. Rio de Janeiro: Graal, 1984a.

FOUCALT, Michel. O cuidado com a verdade. In: ESCOBAR, Carlos Henrique de (Org.). Dossier Michel Foucault: últimas entrevistas. Rio de Janeiro: Taurus, 1984b.

______. O retorno da moral. In: ESCOBAR, Carlos Henrique de (Org.). Dossier Michel Foucault: últimas entrevistas. Rio de Janeiro: Taurus, 1984c.

______. As palavras e as coisas: uma arqueologia das ciências humanas. Trad. Salma Tannus Muchail. São Paulo: Martins Fontes, 1995.

______. A arqueologia do saber. Trad. Luiz Felipe Baeta Neves. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1997.

______. Microfísica do poder. Trad. Roberto Machado. Rio de Janeiro: Graal, 1998.

______. A verdade e as formas jurídicas. Rio de Janeiro: Graal, 1999a.

FOUCALT, Michel. Ditos e escritos I. Problematização do sujeito: psicologia, psiquiatria e psicanálise. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1999b.

______. Ditos e escritos II. Arqueologia das ciências e história dos sistemas de pensamento. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000.

GODINHO, Jacinto. Foucault e a experiência: a fenomenologia do impensado. Revista de Comunicação e Linguagens, Lisboa, dez. 1993.

HOBSBAWM, Eric. E. P. Thompson. Trad. Antonio Luigi Nero. In: THOMPSON, Edward Palmer. As peculiaridades dos ingleses e outros artigos. Org. e trad. Antonio Luigi Nero e Sergio Silva. Campinas: Editora da Unicamp, 2001.

JOHNSON, Richard et. al. Hacia una historia socialista. Barcelona: Ediciones del Serbal, 1983.

JULIA, Dominique. A violência das multidões: é possível elucidar o desumano. Trad. Marcella Mortara e Anamaria Skinner. BOUTIER, Jean; JULIA, Dominique (Org.). Passados recompostos: campos e canteiros da história. Rio de Janeiro: Editora da UFRJ; Editora FGV, 1998.

KAYE, Harvey; McCLELLAND, Keith (Ed.). E. P. Thompson: critical perspectives. Philadelphia: Temple University Press, 1990.

KOSELLECK, Reinhardt. “Espacio de experiencia” y “horizonte de expectativa”. Dos categorías históricas. In: ______. Futuro pasado. Para una semántica de los tiempos históricos. Barcelona: Ediciones Paidos, 1993.

MARCOS, Maria Lucília. Experiência e problematização(ões). Revista de Comunicação e Linguagens, Lisboa, dez. 1993.

NICOLAZZI, Fernando. Uma teoria da história: Paul Ricoeur e a hermenêutica do discurso historiográfico. História em Revista, v. 9, dez. 2003.

ORTEGA, Francisco. Amizade e estética da existência em Foucault. Rio de Janeiro: Graal, 1999.

PALMER, Bryan. Edward Palmer Thompson: objeções e oposições. Trad. Klauss Brandini Gerhardt. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996.

RENK, Arlene. A experiência em Thompson. História: questões e debates, Curitiba, jul./dez., p. 78-104, 1996.

RICOEUR, Paul. Tempo e narrativa. Trad. Constança Marcondes Cesar. Campinas: Papirus, 1994. Tomo I.

SAMUEL, Raphael (Ed.). Historia popular y teoría socialista. Barcelona: Crítica; Grijalho, 1984.

SEWELL Jr, William H. How classes are made: critical reflections on E. P. Thompson’s theory of working-class formation. In: KAYE, Harvey; McCLELLAND, Keith (Ed.). E. P. Thompson: critical perspectives. Philadelphia: Temple University Press, 1990.

SOUZA, Sandra Coelho de. A ética de Michel Foucault: a verdade, o sujeito, a experiência. Belém: Cejup, 2000.

TERNES, José. A morte do sujeito. In: BRANCO, Guilherme Castelo; PORTOCARRERO, Vera. Retratos de Foucault. Rio de Janeiro: Nau, 2000.

THOMPSON, Edward Palmer. A miséria da teoria ou um planetário de erros. Trad. Waltensir Dutra. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.

______. Una entrevista con E. P. Thompson. In: ______. Tradición, revuelta y consciencia de classe: estudios sobre la crisis de la sociedad preindustrial. Barcelona: Crítica, 1984.

______. A formação da classe operária inglesa. Trad. Denise Bottmann, Renato Busatto Neto e Cláudia Rocha de Almeida. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987a. 3 v.

______. Senhores e caçadores. Trad. Denise Bottman. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

______. Costumes em comum. Trad. Rosaura Eichemberg. São Paulo: Companhia das Letras, 1998.

______. As peculiaridades dos ingleses e outros artigos. Org. e trad. Antonio Luigi Nero e Sergio Silva. Campinas: Editora da Unicamp, 2001.

WEBER, Max. L’objectivité de la connaissance dans les sciences et la politique sociales. In: ______. Essais sur la théorie de la science. Paris: Plon, 1965.

WOOD, Ellen Meiksins. Democracia contra capitalismo: a renovação do materialismo histórico. Trad. Paulo Cezar Castanheira. São Paulo: Boitempo, 2003.




DOI: https://doi.org/10.22456/1983-201X.6353

Anos 90 - Revista do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul