Afiar a lâmina de Michel Foucault: em defesa de um samurai, por Georges Canguilhem

Thiago Fernando Sant'Anna

Resumo


Resenha do livro Michel Foucault: morte do homem ou esgotamento do Cogito?, de Georges Canguilhem (Tradução de Fábio Ferreira de Almeida).


Palavras-chave


História; Teoria; Episteme

Texto completo:

PDF

Referências


CANGUILHEM, Georges. Michel Foucault: morte do homem ou esgotamento do Cogito? (Tradução de Fábio Ferreira de Almeida). Goiânia: Edições Ricochete, 2012. (Coleção Inominável).

ERIBON, Didier. Michel Foucault e seus contemporâneos. Rio de Janeiro: Zahar, 1996.

______. Michel Foucault (1926-1984). Lisboa: Livros do Brasil, 1990. (Coleção Vida e Cultura).

MACHADO, Roberto. Foucault, a filosofia e a literatura. 3 ed. Rio de Janerio, Zahar, 2005.

VEYNE, Paul. Foucault. O pensamento, a pessoa. Lisboa: Edições Texto & Grafia, 2009.




DOI: https://doi.org/10.22456/1983-201X.38168

Anos 90 - Revista do Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal do Rio Grande do Sul